dezembro 31, 2010

Vesta



Os asteróides servem como informações valiosas para complementar e enriquecer a análise de um mapa, pois representam presenças arquetípicas atuantes na psique humana. Tornam-se mais evidentes quando formam conjunção a um planeta natal ou aos ângulos.

O asteróide Vesta representa nossa capacidade de concentração para concluir objetivos e tarefas, e como devemos repor nossas energias. Indica como escolhemos e agimos ao nos relacionarmos com os outros. No mapa astrológico, Vesta representa a capacidade de assumir e cumprir os votos e os deveres, tanto no trabalho quanto nas relações. É a nossa capacidade de nos sacrificarmos para cumprir uma missão.


É onde nos dedicamos com devoção sem interesse material; onde estão nossas energias, onde está nossa devoção. Em que lugar da vida acendemos nosso fogo sagrado, o que transformamos em algo sagrado em nossas vidas, nossa maior motivação. Aspectos difíceis podem indicar que dedicamos toda atenção a essa área nos esquecendo de outras áreas.

Conhecida como a deusa do fogo, carrega o significado do coração e do lar. A sua posição no mapa identifica onde existe comprometimento e compromisso, a forma em que se faz e como se focaliza a energia para cumprir o que o foi proposto.
Há um potencial para o tudo ou nada, uma dificuldade de encontrar o equilíbrio naquela esfera da vida, principalmente quando nas casas 4, 5, 7 e 8 ou nos signos de câncer, leão, libra e escorpião. Vesta está relacionada a Héstia na Mitologia grega, a deusa do fogo sagrado.


VESTA NAS CASAS ASTROLÓGICAS
  • Vesta na casa 1: Capacidade de sacrifícios para realizar seus sonhos e objetivos. Pode ter muita crítica em relação a si mesmo e sentir-se desnorteado quando não segue seus sonhos.
  • Vesta na casa 2: Aprende a adquirir e oferecer segurança material para quem ama. No entanto, pode enfrentar obstáculos ao melhorar sua situacão financeira para aprender a manifestar riqueza.
  • Vesta na casa 3: Dificuldades nas comunicações que podem motivar a desenvolver a habilidade de se comunicar com os outros, tanto pessoalmente quanto profissionalmente.
  • Vesta na casa 4: Capacidade de sacrifícios na esfera familiar e no ambiente doméstico. Aprende a ter praticidade nos assuntos ligados à familia e à esfera doméstica.
  • Vesta na casa 5: Gosta de ser o centro de atenção e se dedicará a desenvolver seu potencial artístico. No entanto, ao focar muito em si mesmo pode ter bloqueios para manifestar outros assuntos da casa 5.
  • Vesta na casa 6: Dificuldades na saúde devido ao desequilibrio entre mente e corpo.
  • Vesta na casa 7: Dedicacão e sacrifício qu envolvem os relacionamentos. A independência pode ocasionar conflitos internos entre liberdade e possessividade.
  • Vesta na casa 8: Dificuldade ou dissolução de bens compartilhados.
  • Vesta na casa 9: Viagens longas com propósitos filosóficos ou sacrificios no exterior. Não deve se apegar em dogmas.
  • Vesta na casa 10: Sacrifícios públicos em prol da sociedade; grupos sociais ou etnias podem impor regras severas.
  • Vesta na casa 11: Sacrifícios direcionados a causas humanitárias ou indecisão em desafiar grupos. Deve ter claro seus objetivos.
  • Vesta na casa 12: Reflexão em busca da felicidade; sacrifícios religiosos ou ajuda metafísica. Isolamento ou clandestinidade.
VESTA NOS SIGNOS:
  • Vesta em Áries: Consegue concentrar efetivamente em qualquer projeto e realizá-lo, sabendo tomar decisões rápidas ou resoluções que visem cortar os problemas.
  • Vesta em Touro: Demora para se concentrar, mas quando se concentra em algo, é determinado à conclusão.
  • Vesta em Gêmeos: Facilidade em todas as formas de comunicação e capacidade para trabalhar em vários projetos simultaneamente.
  • Vesta em Câncer: Facilidade para resolver problemas domésticos, familiares e emocionais.
  • Vesta em Leão: Facilidade de concentração e aptidão em assuntos artísticos e qualquer meio de expressão pessoal.
  • Vesta em Virgem: Facilidade para lidar com detalhes e áreas que necessitam de precisão e exatidão.
  • Vesta em Libra: Facilidade para lidar com o mundo artístico, vida social e beleza.
  • Vesta em Escorpião: Facilidade para investigações, descoberta de assuntos ocultos ou pesquisas profundas.
  • Vesta em Sagitário: Visão ampla com capacidade de analisar os problemas em termos ampliados.
  • Vesta em Capricórnio: Facilidade para organização e ordem.
  • Vesta em Aquário: Facilidade para lidar com grupos, projetos excêntricos ou humanitários.
  • Vesta em Peixes: Facilidade para desenvolver projetos que exijam imaginacão ou que visem ajuda ao próximo.

dezembro 29, 2010

Revolução Lunar ou Idade lunar



A duração aproximada do ciclo completo da Lua dividido em 4 fases resulta no número inteiro 7, que deu por origem ao termo semana. Os 365,5 dias do ano, que é o ciclo completo do Sol, dividido por 29, que é a duração aproximada do ciclo completo da Lua, resulta no número inteiro 12, que deu origem aos doze meses do ano.

O ciclo sideral da Lua é relativo a duas passagens seguidas por uma mesma estrela - posição sideral -, vista a partir da Terra. O ciclo da Lunação se completa em 29 dias mas o ciclo sideral da Lua é de 27,3 dias, isto porque no ciclo completo das fases, inclui-se o movimento do Sol, que na evolução das fases também se desloca, justificando que a Lua leve dois dias a mais para alcançá-lo. Esta é a medida que se utiliza para calcular a idade lunar de uma pessoa: 27 dias, 7 horas e 43 minutos = 27,3 dias.

Todo
mês quando a Lua alcança a mesma posição que ocupa no mapa natal, completa-se mais uma idade lunar. Para calcular a idade lunar, basta dividir o números de dias da sua vida até o momento do cálculo e dividi-lo por 27,3 dias. A cada mês quando a Lua faz conjunção com a Lua no mapa natal acontece a revolução lunar ou completa-se mais um ano lunar, que se torna importante porque mostra a época dos acontecimentos previstos pela revolução solar e pelos trânsitos e progressões.

A Lua age como acionadora dos acontecimentos que podem ser previstos com antecedência através do acompanhamento da revolução lunar.
A revolução lunar é calculada para o exato momento em que a Lua atinge o mesmo grau e minutos da Lua natal.

É importante destacar que, principalmente quando se repete na revolução lunar, os mesmos aspectos que estejam acontecendo no momento (revolução solar, transitos e progressões), a similaridade adquire maior força para acionar o acontecimento.
É a revolução lunar que age como ponteiro de um relógio determinando o momento exato dos eventos.
  • O ascendente da revolução lunar, através do signo que domina a cúspide da 1a. casa, mostra as atitudes que devem ser implementadas durante o mês. Por exemplo, ascendente da RL em Áries: Este será um mês de muitas iniciativas e coragem para iniciar uma nova atividade, com mais autoconfiança. Maior necessidade de liderar, talvez em novas atividades. Aceleração de ritmo de vida. Deve agir com maior independência e confiança, porém sem agressividade e egoismo.
  • A casa que recai sobre o ascendente natal mostra a área da vida que estará em evidência durante o mês e onde podem surgir problemas a serem resolvidos. Por exemplo, ascendente natal na 11a. casa: Durante o mês haverá maior envolvimento com grupos, novas amizades, maior participação em grupos.
  • O Meio do Céu da revolução lunar mostra as tendências profissionais durante o mês, os contatos sociais e públicos. Por exemplo, MC em Gêmeos: Durante o mês há tendência à diversificação profissional ou ocupacional, mudanças, instabilidade econômica e aborrecimento com o cotidiano. Possibilidade viagem curta por motivo de trabalho. Vida caseira instável e possibilidade de receber pessoas que chegam de viagem.
  • A casa que recai sobre o Meio do Céu natal mostra a área da vida que estará influenciando sobre a profissão e os contatos sociais e públicos. Por exemplo, MC natal na 2a. casa: Durante o mês há possibilidade de ganhar mais dinheiro através do trabalho ou profissão.
  • A casa da revolução lunar onde recai a Lua mostra a área da vida que estará em evidência e onde encontrará satisfação emocional durante o mês. Por exemplo, Lua da RL na casa 11: Durante o mês podem acontecer grande atividade social, com novos amigos, participar de atividades de grupo, visitar clubes e organizações, ou encontrar os amigos mais frequentemente. Pode desenvolver novos projetos, renovando os anseios. Evidencia pessoas amigas ou de grupos que podem ajudar a realizar planos e projetos.
  • Os aspectos que a Lua envia a outros planetas e pontos importantes do mapa, como o ascendente, MC e cúspides das casas, mostra as interferências positivas e negativas, que depende do tipo de aspecto. Por exemplo, Lua oposição vênus: Durante este mês poderá estar em busca de maior prazer e satisfação, mas isso pode desequilibrar suas finanças. Há tendência a agir com muitos caprichos e de forma infantil. Isso pode causar desordem afetiva como também estar exposto a falatórios e escandalos públicos.
  • A casa ocupada pelo sol na revolução lunar mostra onde serão aplicadas as energias durante o mês. Por exemplo, Sol da RL na casa 6: Durante o mês estará concentrando as energias no trabalho, na dieta e nos cuidados com a saúde. Favorece o relacionamentos com empregados e contratados, porém não deve aplicar muitas energias no trabalho e nem se esforçar acima de seus limites.
  • A casa ocupada por Mercúrio mostra onde estarão sendo aplicadas as atividades intelectuais e a comunicação. Por exemplo, Mercúrio na casa 5: Durante o mês estará mais envolvido em leituras, estudos e escritos que lhe darão muito prazer. Também pode se envolver em negócios arriscados e estará mais bem humorado ou mais eloquente nas festas e nos divertimentos.
  • A casa ocupada por Vênus mostra onde estará encontrando satisfação e realizando gastos. Por exemplo, Vênus na casa 4: Durante o mês despertará o interesse em embelezar o ambiente doméstico e melhorar a harmonia com a família. Pode gastar com a compra de objetos para o lar ou com o conforto da família.
  • A casa ocupada por Marte mostra onde estará concentrando ações e também onde pode haver confrontos. Por exemplo, Marte na casa 3: Durante o mês podem surgir debates e discussões com irmãos e vizinhos. Deve ter cuidado com problemas e pequenos acidentes nas viagens curtas.
  • A casa ocupada por Júpiter mostra onde estará tendo proteção e ajudas. Por exemplo, Júpiter na casa 12: Durante o mês terá proteção contra inimigos ocultos e doenças. Não deve se envolver em negócios ilegais. Pode encontrar um mestre que pode fornecer uma visão espiritualista da vida ou estará interessado nos assuntos de ocultismo.
  • A casa ocupada por Saturno mostra onde estarão ocorrendo atrasos e dificuldades. Por exemplo, Saturno na casa 10: Durante o mês podem surgir obstáculos e atrasos nos objetivos profissionais ou menor rendimento nas atividades realizadas. Pode ter prejuízos profissionais e sociais, além de encontrar limitações.
  • A casa ocupada por Urano mostra onde haverá renovação e mudanças. Por exemplo, Urano na casa 12: Durante o mês poderá ter limitação de liberdade, oposição de inimigos ocultos, problemas de forma súbita que podem ser consequências de ações do passado.
  • A casa ocupada por Netuno mostra onde podem ocorrer enganos e também sonhos. Por exemplo, Netuno na casa 6: Durante o mês podem ocorrer problemas e mal entendidos no trabalho, decepção com empregados ou colegas de trabalho, problemas com medicamentos e alergias.
  • A casa ocupada por Plutão mostra onde podem ocorrer transformações, separações, cortes e perdas. Por exemplo, Plutão na casa 4: Transformações, mudanças de casa ou no ambiente doméstico. Podem ocorrer rupturas, separações e confronto com familiares.
O mapa da revolução lunar deve ser comparado ao mapa natal, pois as conjunções de planetas da revolução lunar com planetas do mapa natal, ativam os significados natais, agregando os significados do planeta que faz a conjunção, que age como ativador.

dezembro 24, 2010

Natal na astrologia

Melchior, Gaspar e Baltazar eram chamados de Magos por serem sábios astrológos que acompanham as estrelas no céu. O Santo Evangelho segundo São Mateus conta que, havendo nascido Jesus em Belém de Judá, nos tempos do rei Herodes, eis que vieram do Oriente os Magos dizendo: "Onde está o rei dos judeus, que é nascido; porque vimos no Oriente a sua estrela e viemos adorá-lo..."

Quando diziam seguir a Estrela de Belém, diversos astrólogos concluiram ser na verdade o planeta Júpiter que entrava em
retrogradação, por isso a interpretação de que a estrela parou sobre Jerusalém. " E logo a estrela que tinham visto no Oriente lhes apareceu, indo adiante deles, até que, chegando, parou sobre onde estava o menino.

E quando eles viram a
estrela foi sobremaneira grande o júbilo que sentiram. E entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe, e prostrando-se, o adoraram. " E abrindo os seus cofres, lhe fizeram suas ofertas de ouro, incenso e mirra." Os magos sabiam da importância daquele acontecimento e o simbolismo dos presentes oferecidos ao novo Rei dos reis, representam: o ouro - a realeza; o incenso - a divindade; a mirra - a imortalidade.

Baltazar era mouro e vinha da Península Arábica ou a Abissínia; Melchior vinha de Ur terra dos Caldeus; Gaspar vinha das terras do mar Cáspio. O certo é que somente astrólogos acompanhavam o movimento das estrelas, e cada um deles ao estudarem as configurações celestes concluiram que nasceria o novo Rei de Judá, que seria o monarca de um Reino que não pertencia ao mundo material. E os Reis magos compreenderam a mensagem e foram guiados pela estrela.


Segundo essa tradição, uma estrela teria guiado os três Reis Magos até o presépio de Belém. Teorias existem acerca da
Estrela de Belém. Johannes Kepler, astrônomo e astrólogo alemão, considerado um dos maiores gênios da humanidade, desenvolveu a teoria de que a estrela seria, na realidade uma excepcional conjunção entre Marte, Júpiter e Saturno, que, sobrepondo-se no céu, teriam apresentado o aspecto de uma única estrela gigante.

No dia 06 de Janeiro é o dia consagrado aos Reis Magos e também é comemorado o Dia Mundial do Astrólogo. Esta bela
passagem, um dos pontos altos da história da humanidade, traz em seu bojo e seu significado uma importante mensagem: a de que, através dos sinais dos céus podemos chegar mais perto da Criança Crística, não só aquela que está nos templos e nas igrejas, mas, sobretudo, aquela que trazemos em nosso coração.

Se quisermos festejar o Natal de modo cristão, deverá existir em nós um pouco do Mago e do Rei. O Mago que veja os
sinais que muitos ignoram; que ouça o que os outros não ouvem. E também um Rei, que se deixe guiar por uma grande estrela e ponha-se a caminho para oferecer dádivas. E que exista ainda em cada um de nós, uma Criança, que acredita no mundo cada vez melhor; e assim poderemos festejar o verdadeiro Natal.

A todos os amigos do blog desejo um Feliz Natal.

dezembro 20, 2010

Eclipse 21 dezembro 2010


Dia 21 de dezembro acontece o Eclipse Lunar total de Nodo Sul. A Lua estará 29°21' gêmeos e o Sol 29°21' sagitário. O eclipse será visível para os continentes da América do Norte e da América do Sul e terá magnitude 1,25. A idéia do Eclipse lunar é trazer à luz tudo que fica somente no plano inconsciente, já que o eclipse lunar é uma lua cheia e tem relação simbólica com o conceito de exposição e divulgação.

Os eclipses lunares ocorrem na lua cheia e mexem com nossas emoções e recordações do passado e indicam que devemos abandonar antigas crenças, apagar mágoas, esquecer rancores do passado voltando nossos olhos para o futuro onde encontraremos a luz solar a iluminar nosso caminho. Ou seja, nos direcionarmos ao futuro e poderemos iniciar novos projetos de vida, muitas vezes motivados por algum acontecimento que o destino nos prepara.

Por exemplo, quando o eclipse cai na casa 10, o momento é de renovação, concentração e preparação de um novo grande início no que diz respeito a sua carreira. Se o eclipse cai na casa 7, pode ser a intenção de formalizar um relacionamento ou de resolver pendências e colocar um ponto final em situações desgastadas, e isso tudo é feito ao longo do semestre que se inicia após o eclipse.

No mundo, os eclipses lunares indicam um aumento dos atos de rebelião, greves, invasões, fugas, etc. Os eclipses não são bons nem ruins, até certo ponto. Os nodos lunares têm naturezas distintas, e tradicionalmente, um deles é realmente bom e um deles é realmente ruim.

* Os eclipses de nodo norte tem natureza associada a júpiter e vênus e simboliza basicamente crescimento e pode ser considerado bom. O eclipse Lunar de Nodo Norte divulga e expande coisas boas que foram desenvolvidas antes e que se encontram maduras para a divulgação e apresentação ao mundo.

* O eclipse Lunar de Nodo Sul divulga coisas imaturas ou ruins, que prejudicam a pessoa de alguma maneira. O nodo sul, da natureza de marte e saturno, simboliza basicamente diminuição ou retração, e pode ser considerado ruim. Este eclipse do dia 21 é de Nodo Sul.

dezembro 16, 2010

Via Combusta


É considerada Via Combusta uma região do Zodíaco que compreende de 15° Libra até 15° de Escorpião. A justificativa é de que estão em detrimento ou queda, o Sol em Libra e a Lua em Escorpião, pois estes são signos opostos aos seus lugares de exaltação. Quando exaltados em um signo, o planeta tem vantagens naquele signo. Por analogia, um planeta em seu detrimento estaria em desvantagem, sem poder de ação; não consegue realizar o que promete e além disso tenta supercompensar essa fraqueza.

Especialmente na técnica da Astrologia horária, a Lua nessa região é considerada debilitada, o que impede um desfecho positivo da questão. Combusta estaria relacionada à ideia de queima da questão. A astrologia clássica considera uma área sombria, funesta, que prenuncia má sorte ou destruição, se o regente da questão estiver nesses graus. Como a Lua é o corpo celeste mais essencial na astrologia horária, é sempre considerada como um mau presságio para o resultado ou a interpretação de qualquer questão ao encontrá-la na Via Combusta, como também o ascendente do mapa horário em questões de saúde.

Atendendo ao meu Sol e minha Lua em aquário, que não aceita apenas o que dizem mas quer saber o porquê das coisas, fui pesquisar sobre esse assunto. A conclusão foi a seguinte:

Quando o zodíaco tropical foi introduzido em torno do século 6 aC, o ponto do Equinócio Vernal não foi firmemente estabelecido, mas diversas vezes colocado entre os primeiros graus de Áries. Astrólogos antigos colocaram no grau 15, por isso não está além da credibilidade que uma associação simbólica uniu-se à região que se estendia desde o grau 15 de Libra, oposto a 15 Áries, como a área de sazonalidade da morte do Sol no equinócio do outono.

Certamente sugere alguma ligação com o oculto e, entre os egípcios, todas as coisas relacionadas com a ausência do mundo
visível, incluindo pessoas falecidas e estrelas, desaparecem da vista quando caem sob o horizonte ocidental ou entram em configuração helicoidal. Assim foram considerados por entrar no desconhecido, a região escura de Duat. A estrela Princeps - a lança do boiadeiro, a 3º de escorpião é o espírito em busca de respostas e a investigação profunda, de caráter mercúrio-Saturno.

Segundo Maurice McCann a parte mais afetada da Via Combusta é de 25º de Libra a 6º de Escorpião, porque são termos de Marte, e Saturno se exalta em Libra. Culpeper escreveu: "cuidado com o final da Libra e o início do Escorpião" e Gadbury comenta que o astrológo pode não entender perfeitamente a questão; assim evitaria um julgamento errado com a Lua na Via Combusta. Logicamente não se pode precipitar em conclusões, pois é o conjunto de configurações que determinam, e não apenas a Via Combusta.

Pode-se entender que a advertência da Via Combusta estaria muito mais direcionada ao astrológo do que ao querente pois, ultrapassando essa advertência, todo prognóstico estaria sendo realizado sobre uma configuração que não estaria proporcionando o julgamento da questão de forma adequada ou encima de dados insuficientes. Nos mapas horários percebe-se que o significador do querente na Via Combusta mostra medo e receio da situação que está consultando. A pessoa pode estar muito ansiosa ou até mesmo pessimista quanto aos resultados.

Neste ponto entraria a questão de formar a realidade a partir de um pensamento. Se a pessoa já está pessimista quanto aos resultados de uma questão, logicamente ela já está formando uma egrégora negativa sobre aquilo que pretende. Numa consulta que envolva gravidez, por exemplo, a Lua na Via Combusta pode indicar um aborto, uma distrofia do feto ou algo que impede a gravidez. Mas como na astrologia tudo depende do vocabulário que se usa para descrever a configuração, poderia tratar-se de uma gravidez indesejada ou que de alguma forma não possa ser do conhecimento dos outros, como por exemplo, uma gravidez na adolescência ou que é mantida escondida.

Quando a Lua está em sua própria queda em escorpião, literalmente mostra uma queda, por isso, tratando-se de um negócio pode representar que não prospera ou indica algum prejuizo. Numa viagem pode trazer um incidente infeliz ou simplesmente algo desastroso, por exemplo, perder todas as malas.

No caso de uma empresa, pode
mostrar que não se desenvolve ou talvez vá a falência. A Via Combusta também tem o caráter de imprevisibilidade e mudanças súbitas, e pode sinalizar que a questão consultada naquele momento terá um desfecho imprevisto; que poderá mudar totalmente de rumo, bem diferente da situação atual.

A astrologia clássica coloca como única exceção o 23º e 24º de Libra ocupados pelas estrelas benéficas Spica e Arcturus. Assim considera-se que entre 20 a 26º de Libra, seja como um oásis, onde a Lua não teria grandes debilidades, pois estaria protegida.

Spica é considerada a estrela mais benéfica entre todas e, de
acordo com Ptolomeu, é da natureza de Vênus e de Marte; para Alvidas é de Vênus, Júpiter e Mercúrio. Dá êxito, renome, riqueza, uma doce disposição, amor à arte e à ciência. Mas também é de sua natureza a falta de escrúpulos, esterilidade e injustiça para com a inocência.

Outra estrela benéfica nessa região é Arcturus, a 24º Libra, que de acordo com Ptolomeu é de natureza Marciana e de Júpiter. Alvidas substituiu estes por Vênus e Mercúrio em conjunção. Dá riqueza, honras, alto renome, determinação e prosperidade, por meio da navegação e viagens. Quando envia bons aspectos ao ascendente pode garantir ganhos através de sorteios e loterias.

Tendo em conta a precessão que estuda se a influência da Via baseia a sua posição sobre a eclíptica ou em algum lugar além, sua posição continua sendo a mesma de dois mil anos atrás e, portanto, continua a dar os mesmos resultados que costumava dar nos tempos medievais.

Não se deve
considerar a Via Combusta sobre o mapa natal, pois se assim fosse, ninguém nasceria com o Sol nos últimos graus de Libra e nos primeiros graus de escorpião, devido à natureza da Via combusta. Mas com certeza, a influência das estrelas benéficas, podem ser confirmadas.

dezembro 10, 2010

Ascendente



O ascendente é a primeira imagem que transmitimos ao mundo exterior, um ponto do zodíaco que estava subindo no horizonte no momento do nosso nascimento ou de um acontecimento, país, cidade ou evento. É o horizonte Leste oriental que marca esse ponto de nascimento e o ascendente é definido numericamente pelo grau zodiacal exato que está ascendendo no momento, definido por uma linha que vem do Oriente tangente ao local, no instante do acontecimento.

A cada momento, o ascendente muda; um signo ascende completo no leste a cada duas horas. O signo, o grau e situação astrológica do ascendente tem um significado energético na formação da pessoa, do pais, de uma cidade ou de um evento. Então, quando nos referimos ao ascendente, estamos falando de toda conformação; do signo que atua no ascendente, dos aspectos direcionados ao grau do ascendente e dos planetas presentes junto ao ascendente.

Esse conjunto de elementos tem a força que modula o modo físico, a saúde, a personalidade e a vontade. O regente do ascendente, que é o planeta regente do signo, tem a força do raio do Leste, por isso é considerado o Senhor do mapa.


Na interpretação do ascendente é necessário determinar:
  • as características do signo ascendente
  • as características do grau do ascendente
  • os aspectos direcionados ao ascendente
  • os aspectos recebidos do Sol, da Lua e do Regente do ascendente
  • o regente do signo ascendente, por sua localização no mapa - signo e casa - e os aspectos que recebe
  • a situação do Sol e da Lua, por sua localização no mapa - signo e casa - e os aspectos que recebe
Qualquer situação astrológica das casas pode ser vivida de forma positiva ou negativa. As posições dos planetas e dos signos não determinam as escolhas, apenas indicam o tipo de energia que podem ser melhor utilizadas para vivenciar as experiências de cada casa. A maneira de expressar a potencialidade astrológica depende da pessoa e suas circunstâncias de vida. É a própria pessoa quem escolhe o modo de utilizar as energias que sente em si mesma.

A situação astrológica do Sol, da Lua e do Ascendente descrevem as características mais expressivas da personalidade, constituindo o tripé da personalidade. O Sol representa o presente, o mais expressivo e vital; a Lua representa o passado, o mais instintivo e natural; o Ascendente representa o futuro, as características de personalidade que se ascendem, se expandem e amadurecem com o tempo, dominando o modo de ser. Por isso se diz que, à medida que a pessoa amadurece, ela tende a expressar mais as energias do ascendente.

O ascendente está constantemente modulando a personalidade e o corpo, por isso ele é o ponto de equilíbrio da vida. Junto ao Sol e à Lua, modula a espontaneidade, as reações, a resposta aos estimulos e o corpo físico. A atitude dominante da pessoa diante da vida é dominada pelo ascendente, por isso, é o ascendente é um dos pontos principais na determinação da missão de vida, da vocação, e da orientação da pessoa para viver.

É o ascendente quem predomina na primeira imagem transmitida ao mundo externo, dando o comando interior. À medida que a pessoa amadurece, o ascendente interage com todos os elementos do mapa e mostra sua expressão predominante com mais segurança, que acontece geralmente aos 30 anos, quando Saturno já retornou ao seu ponto natal.

Supõem-se que ao chegar aos 30 anos, a pessoa já tenha desenhado sua personalidade. A partir desta idade, o regente do ascendente se torna mais soberano. A casa 1, que é marcada pelo ascendente, representa a pessoa, o corpo, o rosto, as feições da pessoa, a expressão facial, a imagem que ela transmite, a personalidade. Mostra como a pessoa inicia suas ações e o que faz para conseguir o que deseja. É o projeto inicial e final de vida, a aspiração essencial, com o que se identifica, a maneira de agir externamente movida pela necessidade de sobrevivência.

Também propicia à pessoa descobrir quem ela é e como se diferencia dos outros. É ter a consciência de si e tomar conta de sua própria vida, por isso indica como a pessoa dedica a si mesma. O regente da casa 1 indica onde atua para realizar o que quer e a casa 1 informa as condições que a pessoa pode utilizar para renascer e transcender, e como assimila as experiências de vida.

Qualquer transito ou direções - direção secundária, primária, arco solar - dirigida ao regente do ascendente, estará influindo nos significados do ascendente, ou seja, na sua atuação para realizar suas vontades, na maneira de agir movida pela necessidade de sobreviver e quando necessário, renascer...

dezembro 07, 2010

O encontro de titãs: Marte e Plutão


Na próxima semana, Marte encontrará Plutão em Capricórnio. É uma combinação de força e potência. Na mitologia grega, Plutão é representado por Hades; Marte é representado por Ares. São dois guerreiros, titãs com grande força de atuação. Marte representa a energia masculina, a ação e o poder de decisão. Plutão representa a energia das transmutações profundas. Assim a relação entre os dois planetas é forte e contundente. O encontro de Marte e Plutão ativam forças masculinas, interventivas, com poder de transmutar. Eles representam um laço entre o guerreiro pessoal e o senhor do inconsciente, das sombras, do interior e ao mesmo tempo o cósmico e o universal.

Esse encontro de titãs significa o mais alto poder, o caput, a cabeça. Pessoas que nascem com essa configuração sabem da sua potencia de força, que sobressai e causa impacto. Elas sabem que atos e decisões são capazes de provocar um impacto na realidade e nas pessoas. É a vida dentro das intensidades que geram fortes desafios e situações energéticas de alto poder e ao mesmo tempo de perigo.

A soma de forças poderosas caracteriza uma força de vontade poderosa, que move céus e terra quando se determina a algo. É o tipo de energia que vem não apenas da mente, mas também no físico, dando uma força capaz de enfrentar obstáculos, vencer o cansaço, desafiar os perigos e realizar seus desejos. Esses planetas conjuntos, quando usados com consciência, são capazes de desenvolver um autocontrole férreo para obter aquilo que almeja, mas também geram desejos muito fortes e incontroláveis. A tendência é levar a situações, das quais pode se arrepender mais tarde, isso porque a força intensa tanto aumenta o poder realizador quanto extrapola o limite dos desejos.

A força gerada gravita desafios na vida que justificam sua intensidade. São forças interventivas poderosas de significado muito violento, mas a erupção incontrolada da raiva leva ao descontrole e a situações perigosas, podendo desenvolver um mecanismo de controle emocional para amedrontar aos outros com sua força. E quando isto acontece, há de se buscar um profundo conhecimento para se libertar do stress violento que aparece nos relacionamentos, quando as coisas não acontecem como gostaria.

Plutão em Capricórnio é o Senhor das profundezas que age na terceira dimensão do elemento terra, no subterrâneo, revelando a conexão profunda que existe entre cada coisa no mundo físico e a relação do mundo físico com os mundos sutis. O signo de Capricórnio alude a mundo físico como um todo, as ordens, estruturas e leis que regem sua existência. Assim Plutão influi na constituição física do planeta, como o clima e as diversas forças da natureza, e ainda nos sistemas econômicos vigentes e formas de organização social, como também nas estruturas e fundamentos das tradições e sistemas políticos, ideológicos e religiosos no poder.

Em Capricórnio de 2008 a 2024, Plutão vem atuando sobre o Sistema Capitalista, desestabilizando e mostrando seus pilares de ilusão. Exige uma transformação plutoniana de sua estrutura e constituição, mostrando a necessidade de uma nova ordem mundial e finalmente, a face do novo Milênio. O sistema capitalista aos poucos revela seus pontos frágeis e, quer queiramos ou não, abrirá espaço para o nascimento de uma nova ordem mundial à altura da situação atual do planeta. Os resultados dependem do equilibrio das forças e do grau de compreensão da humanidade.

Plutão em Capricórnio incita a encarar a verdade, sem máscaras, a romper com o que não seja verdadeiro, abolindo as mentiras, as ilusões ou a falsa imagem. Plutão sugere transmutação, mudança e nova atitude nos assuntos do signo pelo qual transita. No plano pessoal, leva cada um ao seu limite, a favor de mais amplitude e consciência. Somos obrigados pela vida, a encarar nossas verdades e atitudes.

A vida também exige que se defina o que se quer e a qual grupo se pertence. É o momento ideal para se unir forças e associar-se às pessoas certas. Devemos saber escolher com rigor os nossos relacionamentos íntimos, rompendo com o que não funciona. É um momento em que não se permite mais a indefinição, a falta de compromisso, a omissão ou fingimentos. É a hora da verdade.

Plutão convida a encarar a verdade do coração, nos obrigando a agir com responsabilidade social, ambiental e sustentabilidade. Exige-se fio terra, presença, responsabilidade e coragem para tomar atitudes a favor do bem comum - liberar o supérfluo, indefinido, sem compromisso. O toque é agir, trabalhar, realizar em comunhão, se despojar dos excessos e do superfluo, daquilo que é muito caro: a natureza e a justiça social. Todos os que vivem excessos no sistema capitalistas e todos os sistemas no poder perderão o que deveriam estar dividindo há muito tempo. A ordem de Plutão em Capricórnio é deixar morrer, o que deve morrer; abandonar o que seja necessário.

A situação do clima, da sociedade e do planeta revela as implicações do impacto desmedido e inconsciente das leis da natureza. Revela onde faltou holismo e visão ampla, onde se errou desde um ponto de vista ecológico e da Ordem Maior - especialmente a partir da passagem de Plutão pelo signo de Virgem de 1957/1972. Estão em foco o clima, a questão do sistema monetário, energia, petróleo, saúde e alimentação. As mudanças climáticas, mostram a gravidade da situação e apontam onde se tem que agir.

As tendências negativas do aspecto é sádica, cruel e obssessiva, ou uma defesa desmedida do próprio interesse. Pode gerar um egocentrismo desvariado, ciúmes obsessivos, possessão, ironia provocativa, desconfiança paranóica, autodestruição, destruição de relacionamentos, vontade de destruir, desgaste físico, psíquico e tormentos. É também uma atração por assuntos sombrios, desafiadores, intimos, espírito detectivesco sempre sensível a perceber tudo o que de diferente e perigoso estiver por perto. Há possibilidade de acidentes, exaltação de grupos, compulsão, agressividade física e verbal, assaltos e desentendimentos de poderes.

A posição deste aspecto no mapa e as configurações com outros planetas natais, mostra onde podemos aproveitar e aplicar as energias positivas do aspecto e sabermos lidar com as energias negativas, estando em níveis mais elevados. As tendências positivas trazem consigo a energia necessária para superar obstáculos; ocupar-se do que exija esforço físico para reconstrução, não se lamentando, mas apoiando-se nas mudanças que podem advir desta configuração, para estarmos atentos e escutar com atenção os nossos estados da alma...


video

dezembro 04, 2010

Lua Nova em Sagitário



Sagitário não conhece barreiras. Mesmo estando fisicamente em um lugar, a mente permanece livre, viajando para algum lugar distante, real ou imaginário. E a Lua Nova de dezembro nos convida para uma viagem: Onde você quer ir?

Tantas são as nossas ocupações e preocupações, que a Lua Nova de Sagitário vem nos convidar para irmos onde jamais estivemos e experimentar uma verdadeira liberdade: do corpo, da mente ou do espírito. Mas principalmente, é uma viagem através da verdade, explorando o melhor em nós mesmos para que possamos ir além, expandindo nossa consciência.


A lunação de sagitário dará um jeito de nos levar além dos limites. Júpiter, como regente de Sagitário, dá as regras desta Lua Nova. Estamos de volta ao crescimento e expansão, após um período de dormência e contração. Urano está quase tomando sua direção direta, logo após a Lua Nova. Este é um momento muito poderoso e os avanços serão sentidos nos terrenos férteis de nossas vidas.

Júpiter e Urano são os planetas do despertar. Júpiter representa a consciência superior e Urano representa o impulso, nos inspirando a inovar.
O único aspecto da Lua Nova é próximo a Saturno a 15º de Libra, signo de sua exaltação. Saturno é conhecido como o Senhor do Tempo, e é por isso que ele representa, a manifestação física do mundo material. Já sabemos, pela pesquisa científica, que não há separação entre energia e matéria. Podemos dizer: o que vemos com nossos olhos é a energia congelada no tempo.

A evolução da consciência que estamos experimentando, carrega consigo a capacidade de manifestar pensamentos na realidade física, e não se trata apenas de uma visualização criativa. Apesar de ser apenas o começo, nossa capacidade de manifestação levará ainda alguns anos de treinamento e prática. E desde que não tenhamos compreendido totalmente, Urano nos trará as descobertas. Para transformar nossas vidas em uma existência mais rica e criativa, temos de nos desapegarmos de crenças e comportamentos ultrapassados.


A conjunção de Júpiter e Urano, em movimento direto, fornece um caminho para descobertas súbitas. O potencial para avanços na espiritualidade é de proporções que ultrapassam todos os limites. A espiritualidade está relacionada com a nossa capacidade de sentir as energias invisíveis que percorrem o universo e utilizar estas energias para o nosso e para o bem da humanidade. É ver através da ilusão do tempo.


Esta Lua Nova será mais desafiadora, principalmente por causa do Eclipse na Lua Cheia. A posição de Sagitário no seu mapa natal marca a área onde podem surgir desafios. Mercúrio se torna retrógrado e no dia 13 de dezembro forma uma conjunção com Marte e Plutão, focando as comunicações, conversas justas e esclarecedoras, revelações ou denúncias. É uma energia planetária muito forte que evidencia discussões que trazem mudança.

Marte conjunção a Mercúrio sugere determinação, assertividade, soluções práticas e habilidade técnicas para solução de problemas; trabalho ou intervenção rápida. Juntando isso à conjunção com Plutão, é o serviço para eliminar e purificar; esforços para transformar, dividir poder e território. É um aspecto de limpeza e purificação, uma alta energia dominando os céus.

Sejamos convincentes ou seremos convencidos de algo.
Há poder envolvido nos discursos, poder de persuação ou imposição. Questões sexuais e psicológicas podem estar mais evidentes. Netuno e Quiron em conjunção a 26º de Aquário adiciona confusão, mas nos pede para olharmos abaixo da superficie e procurar a verdade; nada mais que a verdade. E a verdade poderá estar bem exposta, é só querer enxergá-la.

A Lua nova em sagitário desperta o entusiasmo, otimismo, proteção, sorte, expansão e progresso. Favorece o crescimento para qualquer área de sua vida, dá proteção para assuntos de estudos, para passar em um teste, fazer provas ou entrar na faculdade, conseguir maior generosidade das pessoas com você ou para ter mais alegria e sorte. Se estiver iniciando um novo negócio, favorece a prosperidade e crescimento.

As pessoas buscam expansão e desejam novos horizontes, mas há maior falta de concentração e desperdício. Favorece atividades expansivas, viagens e aventuras, esportes e tudo o que necessite de entusiasmo. É boa época para diálogos de alto nível - filosofia, estudos, bem como para tratar de assuntos que se queira divulgação ampla; exposição de livros e tudo que represente cultura; lançamento de promoções de viagens, porém deve-se estar disposto a lidar com a dispersão de outros. É a lua que deseja acertar o alvo.

Um simbolo para o Sol e a Lua a 13º de Sagitário são as Pirâmides e a Esfinge: O que vemos com nossos próprios olhos pode não ser toda a verdade, mas é um começo. E é nossa primeira pista sobre o que é real e o que não é. Uma das maravilhas do mundo, as pirâmides, representam o que de melhor a humanidade pode se manifestar em realidade, e nós ainda não tem certeza de como os Egipcios as fizeram. À medida que trabalhamos a nossa capacidade de se manifestar, devemos continuar a lutar para o bem maior e estar disposto a ir até o erro, necessário para aperfeiçoar as nossas habilidades.

Dia 21 acontece o culminar das energias da Lua Nova a 29º de gêmeos/sagitário, bem no Centro Galático. Estudiosos afirmam que desse ponto emanam fortes energias capazes de interferir nas frequências de rádios, telefones e celulares. O Centro Galático é o centro de rotação de nossa galáxia.
Pesquisas recentes têm sugerido que está na direção da constelação de sagitário, Ophiucus e Escorpião, onde a Via Láctea aparece mais brilhante.


Lunação no mês de Dezembro 2010

Ao acompanhar o movimento diário da Lua, podemos escolher o melhor dia para tratar de assuntos que estejam sendo favorecidos pela Lua. Para saber sobre as influências favoráveis, clique aqui.

01/12/10 00h00 - Lua em Libra - Sol 9º sagitário
  • LUA BALSÂMICA
  • Eventos do dia: Vênus a 00º Escorpião e Mercúrio 00º Capricórnio
02/12/10 12h45 - Lua em Escorpião - Sol 10º sagitário
03/12/10 00h00 - Lua em Escorpião - Sol 11º sagitário
04/12/10 16h00 - Lua em Sagitário - Sol 12º sagitário
05/12/10 15h37 - Lua em 13º Sagitário - Sol 13º sagitário

  • LUA NOVA 13º29' sagitário - Fase de términos e novos inícios
  • Eventos do dia: Urano volta ao movimento direto 06/12/10
  • De 07 a 09 de dezembro: nenhum planeta retrógrado
06/12/10 21h17 - Lua em Capricórnio - Sol 14º sagitário
07/12/10 00h00 - Lua em Capricórnio - Sol 15º sagitário
08/12/10 00h00 - Lua em Capricórnio - Sol 16º sagitário

  • Eventos do dia: Marte 00º Capricórnio
09/12/10 05h32 - Lua em Aquário - Sol 17º sagitário
  • LUA SEMI CRESCENTE
  • Eventos do dia: 10 a 30 de dezembro, Mercúrio retrógrado.
10/12/10 00h00 - Lua em Aquário - Sol 18º sagitário
11/12/10 16h42 - Lua em Peixes - Sol 19º sagitário
12/12/10 00h00 - Lua em Peixes - Sol 20º sagitário
13/12/10 00h00 - Lua em Peixes - Sol 21º sagitário

  • LUA QUARTO CRESCENTE
  • Eventos do dia: Conjunção Lua/Urano/Júpiter em Peixes
  • Conjunção Marte/Mercúrio/Plutão em Capricórnio
14/12/10 05h16 - Lua em Áries - Sol 22º sagitário
15/12/10 00h00 - Lua Áries Sol 23º sagitário
16/12/10 16h50 - Lua em Touro Sol 24º sagitário
17/12/10 00h00 - Lua em Touro - Sol 25º sagitário

  • LUA CORCUNDA OU CONVEXA CRESCENTE
18/12/10 00h00 - Lua em Touro - Sol 26º sagitário
19/12/10 01h38 - Lua em Gêmeos - Sol 27º sagitário
20/12/10 00h00 - Lua em Gêmeos - Sol 28º sagitário
21/12/10 07h23 - Lua em Câncer- Sol 29º sagitário

  • LUA CHEIA - Lua em 29º Gêmeos (Ar)/ Sol 29º Sagitário (Fogo) - Fase de plenitude e realização ou abandono de metas ou situações por não terem um sentido
  • Eventos do dia: Eclipse Lunar total de Nodo Sul - Lua 29°21' gêmeos - Sol 29°21' sagitário - Nodo Sul em cancer - Será visível para os continentes da América do Norte e da América do Sul e terá magnitude 1,25.
22/12/10 00h00 - Lua em Câncer - Sol 00º capricórnio
23/12/10 10h52 - Lua em Leão - Sol 1º capricórnio
24/12/10 00h00 - Lua em Leão - Sol 2º capricórnio

  • LUA DISSEMINADORA
25/12/10 13h15 - Lua em Virgem - Sol 3º capricórnio
26/12/10 00h00 - Lua em Virgem - Sol 4º capricórnio
27/12/10 15h39 - Lua em Libra - Sol 5º capricórnio
28/12/10 00h00 - Lua em Libra - Sol 6º capricórnio

  • LUA QUARTO MINGUANTE
29/12/10 18h51 - Lua em Escorpião - Sol 7º capricórnio
30/12/10 00h00 - Lua em Escorpião - Sol 8º capricórnio

  • Eventos do dia: Mercúrio retorna ao movimento direto - nenhum planeta retrógrado
31/12/10 23h22 - Lua em Sagitário - Sol 9º capricórnio
  • LUA BALSÂMICA


dezembro 01, 2010

NODOS LUNARES



Os Nós ou Nodos Lunares também chamados de Cabeça e Cauda do Dragão são pontos equinociais, elementos de ligação entre a Terra, a Lua e o caminho aparente do Sol - eclíptica. Permanecendo em cada signo durante 19 meses, seu movimento diário é de 3º de arco.

No Zodíaco os nodos deslocam-se em sentido contrário aos luminares e na interpretação de um mapa, simbolizam a ligação entre o presente e o futuro servindo como fonte de conhecimento.Os Nodos Lunares são originados na intersecção entre a órbita da Lua e a eclíptica, o percurso aparente do Sol devido a uma desfasagem de aproximadamente 5º e 8’ existente entre ambos os percursos, do Sol e da Lua.

    * O Nodo Norte também chamado Nodo Ascendente é definido quando a Lua cruza a eclíptica ao passar de Sul para Norte do percurso por ela definido
    * Nodo Sul, também chamado Nodo Descendente, é definido quando a Lua cruza a eclíptica ao passar de Norte para Sul.

O sistema de cálculo que usualmente se designa por « True Node » é aquele que indica a sua posição exata. O « True Node », devido às perturbações orbitais provocadas pelas oscilações da Lua, pode estar em movimento retrógrado ou direto. O que se designa por « Mean Node » é aquele calculado de acordo com a sua velocidade média, excluindo as perturbações orbitais causadas pela oscilação da Lua o que faz com que o seu movimento seja constantemente retrógrado. Os Nodos Lunares estão sempre opostos um ao outro e movem-se em sentido inverso através do Zodíaco e o ciclo é de 18.6 anos.

ANÁLISE DOS NODOS

A análise dos nodos é considerado pelo eixo de signos e casas que ocupam e os aspectos com os planetas e pontos principais.
* Cada vez que a pessoa se volta para o Nodo Norte, ela consegue realizar algo novo que lhe traz uma nova experiência de vida satisfatória.
* Porém quando a pessoa se volta ao Nodo Sul, ela consegue sempre os mesmos resultados que podem ser frustrantes. Exceção é feita quando o dispositor de um dos nodos está em oposição ao nodo,  indicando que a pessoa irá reviver uma determinada situação do passado, porém pode ter um efeito de cura.
*Quando planetas estão em conjunção aos dois nodos pode ocorrer um conflito que exige uma solução rápida, que não pode ser adiada.

Martin Schulman diz que:
* As conjunções ao Nodo norte estimulam a pessoa a aprender através de novas experiências, porém há uma tendência a se voltar para o Nodo Sul cada vez que encontra obstáculos.
* As conjunções ao Nodo Sul não são negativas, elas indicam oportunidades de realizar algo utilizando um conhecimento ou talento que já nasce com a pessoa e que pode levá-la a uma culminação.

Os efeitos dos Nodos sobre os planetas tem maior força quando em conjunção, porém seus efeitos são diminuidos quando o planeta está angular ou essencialmente dignificado - domiciliado, em seus termos, face etc. No entanto os nodos podem ter visível efeito quando ocupam qualquer dos ângulos no mapa.

Apesar dos aspectos da conjunção serem mais considerados, há um aspecto que podem dar informações, principalmente quando o nodo sul está em um signo mutável ou de água, um trigono ao nodo sul, pois indica a necessidade da pessoa aprender mais sobre auto-respeito, pois ela tende a ser atraida para o lado obscuro da vida.
O estudo dos aspectos planetários aos nodos lunares tanto por planetas natais como por planetas em trânsito, progressão, revolucão ou sinastria, permite distinguir o tipo de energia para lidar com o impacto e natureza dos nodos lunares.

NODO NORTE

O Nodo Norte é representado pela Cabeça do Dragão sendo considerado benéfico. A sua natureza é composta pela natureza de Júpiter e de Vênus e indica domínio e boa fortuna. Alguns consideram que, devido à sua natureza, tende a aumentar os efeitos dos planetas.
* Se estiver conjunto a planetas benéficos aumentam seus benefícios.
* Se forem maléficos, também aumentam seus malefícios. No entanto, por sua natureza benéfica podem reverter a ação dos maléficos.

A cabeça do dragão é masculina por natureza e está exaltada em gêmeos, isto porque é o primeiro signo bicorpóreo e mutável do zodíaco e ela, sendo igualmente bicorpórea, é composta de duas naturezas, de Júpiter e Vênus, que são as duas fortunas. Assim quando presente em sagitário, ela está em queda.

O Nodo Norte ou Cabeça do Dragão, com sua natureza benéfica de Jupiter e Vênus, simboliza o futuro; é a nossa experiência ainda não vivida. Indica qual é o novo ciclo que irá viver e carrega as apreensões do desconhecido. Neste Nodo há possibilidades de progredir, construindo e criando uma nova meta de vida.

NODO SUL

O Nodo Sul é representado pela Cauda do Dragão, sendo considerado maléfico. A sua natureza é composta pela natureza de Saturno e Marte e tem a capacidade de diminuir os efeitos dos planetas, sejam benéficos ou maléficos. Contudo dizem que por sua natureza maléfica, quando conjunto aos maléficos, tende a dar-lhes maior poder maléfico de ação. Quando conjunto aos benéficos, tem a propriedade de diminuir seus benefícios ou indica dificuldades para conseguí-los ou provocar perdas quando conseguidos.

A cauda do dragão é feminina por sua natureza e está exaltada em Sagitário oposto a Gêmeos, ou seja, oposta à cabeça do dragão. Assim quando colocada em gêmeos, ela está em queda. O Nodo Sul é a ligação ao nosso passado cármico e o nosso ponto vulnerável. Tendemos a nos prender ao Nodo Sul mantendo uma forma conhecida de viver. No entanto, podemos modificar o que essas tendências e construir novos modos de vida.

CONJUNÇÃO AOS NODOS

Um planeta em conjunção aos nodos tem sua energia ativada e se torna importante à medida que a pessoa vive os seus conteúdos.
* No mapa natal, as conjunções ao nodo norte permitem viver a energia do planeta e se expandir em atividades ou atrair relacionamentos relacionados ao planeta.
* No mapa natal, as conjunções ao nodo sul permite viver as energia do planeta porém permeados por hábitos e costumes, podendo atrair pessoas de vidas passadas que tem relação à energia do planeta.

Quando se trata de trânsitos ou progressão, a energia do planeta se impõe nos assuntos dos nodos enquanto durar os transitos.
* As conjunções ao nodo norte por planetas em trânsito ilumina os assuntos relacionados ao nodo norte direcionando para atividades ou relacionamentos associados ao planeta. O planeta pode representar uma força para a pessoa rever, reconstruir, reformular e conscientizar de sua missão de vida, e voltar-se para as metas e ideais que o nodo norte inspira.

* O Sol natal em conjunção ao nodo norte solicita realizar a sua vontade, aprimorando-se para alcançar metas e ideais elevados. Quando o Sol em transito faz conjunção ao nodo norte, durante 10 dias, sendo mais forte a conjunção exata, ilumina metas de vida e dá disposição e lucidez para tomar decisões.

* Saturno natal em conjunção ao nodo norte solicita ter disciplina e responsabilidade; pode receber orientações de pessoas mais velhas ou mais sábias para determinar seu caminho ou assumir uma missão pessoal que envolva esforço e dedicação.

* A conjunção de Plutão em trânsito ao nodo norte é um dos mais fortes e efetivos, já que tem uma duração prolongada. A pessoa sente uma profunda necessidade de rever sua vida, questionando o que tem feito e para onde gostaria de encaminhar sua vida. Quando a conjunção se torna exata a pessoa tem a disposição e coragem para tomar decisões e encarar sua missão de vida. Porém se estiver muito distante de seus ideais, poderá se sentir confusa sem saber por onde começar. Quando se conhece as determinações dos nodos, por signo e casas, se torna mais fácil a transição.

* As conjunções ao nodo sul por planetas em trânsito ilumina os assuntos do nodo sul ativando hábitos e costumes antigos ou atraindo situações e pessoas do passado para resolução de antigas questões.

* Lua natal em conjunção ao nodo sul ativa uma necessidade de voltar-se ao passado, talvez para matar a saudade ou se reconciliar com os tempos passados. Podem surgir questões de vidas passadas que deverão ser resolvidas com os argumentos do nodo norte, embora pareça impossível deixar os costumes passados.

* A conjunção de Júpiter em trânsito ao nodo sul tem duração de dois meses e traz a oportunidade da pessoa conhecer as determinações do nodo sul porém com a proteção de Júpiter. Os assuntos do nodo sul são revividos com maior facilidade, sem sofrimentos. Trata-se de resolver desafios e perturbações cármicas, favorece as questões com a justiça, pode ocorrer uma viagem distante onde tenha vivido em vidas passadas ou encontrar um estrangeiro com quem tenha vivido uma história de vida passada.

SEXTIL E TRIGONO AOS NODOS

São aspectos harmônicos e positivos que mobilizam forças e energias favoráveis tanto para lidar com desafios cármicos como para facilitar a realização da missão pessoal. As promessas do planeta envolvido podem concretizar através de pessoas ou circunstâncias que os representem.

* Urano natal em trígono ao nodo norte e sextil ao nodo sul mostra uma pessoa com facilidade para assimilar transformações, aprimoramentos, mudanças a favor de seu alinhamento com a missão pessoal e libertação de costumes e valores limitadores vindo de seu passado.

Quando o aspecto é em um transito, são alguns meses de oportunidades para a pessoa mudar, transformar, aprimorar a favor de seu alinhamento com a missão pessoal e libertação de costumes e valores limitadores vindo de seu passado. Pode aparecer pessoa ou uma situação uraniana que provoque forte impacto na vida da pessoa, com muitas possibilidade de se trazer o melhor para sua vida.

QUADRATURA AOS NODOS

Um planeta em quadratura aos nodos representa uma força que tensiona o eixo nodal, como se fossem desvios que não direcionam nem ao nodo norte nem ao nodo sul, porém refletem as energias que levam a pessoa ao sofrimento, às perdas e à dor. São frustrações angustiantes que parecem bloquear o caminho. Questões do passado cármico se misturam com as metas a serem conquistadas, levando a desafios de conciliar estes movimentos opostos.

Quando a pessoa decide agir a favor de sua missão, de suas metas e propósitos - nodo norte - aparecem desafios relacionados à natureza do planeta relacionados a desafios de vidas passadas que o direcionam a valores e costumes antigos que entram em conflito com o que se deseja realizar.

* O Sol natal em quadratura aos nodos indica que a pessoa terá que conciliar seu passado cármico com sua missão, ideais, metas e ambições. Esta quadratura revela que os desafios de vidas passadas com o uso da função solar já provocaram sofrimento e dor. A pessoa nesta vida deverá aprender a arte da humildade e o serviço. Se o Ego prevalecer, poderá ter dificuldades de realizar o que quer, porque de um jeito o outro os obstáculos exteriores ou interiores tendem a sabotar e criar impedimentos.

Pode ser que na sua juventude encontre dificuldade de decidir a que se dedicar profissionalmente ou o caminho a tomar. Por vezes se volta ao nodo sul, e em outras, se volta ao nodo norte, e às vezes se volta ao Sol natal. E quando se decide por uma tem que lidar constantemente com a interferências das outras forças que interferem levando a seus lados. A única alternativa da pessoa é desenvolver uma amplitude, optar por um caminho que dê conta de corresponder à sua riqueza de interesses e vontades, diferentes entre si.

Quando a pessoa se decide a realizar algo, por questões pessoais não consegue, no decorrer da realização do que quer aparecem inimigos cármicos que criam resistências, ou as circunstâncias ficam tão adversas que a pessoa desiste. Com o tempo, a pessoa amadurece e se torna muito responsável e precisa simplificar sua vida ao fundamental. Mas também a pessoa pode se desenvolver espiritualmente e encontrar seu caminho de iluminação. Por vezes a pessoa pode se desencontrar com seu passado, sua origem, sua nacionalidade e ao mesmo tempo não sabe direito para onde se encaminhar. Com o tempo, depois de vagar por tantos mundos, pode sentir que seu lugar é onde se encontra.

NODO SUL NA CASA 1 / NODO NORTE NA CASA 7 (ÁRIES / LIBRA)
O nodo sul mostra uma vida passada independente, livre, com autonomia e sendo autoritário e egoísta, não se predispondo a se relacionar com os outros. O caminho da evolução está em aprender a se relacionar com os outros, integrando intresses seus e dos outros.

NODO SUL NA CASA 2 / NODO NODO NA CASA 8 (TOURO/ESCORPIÃO)
O nodo sul mostra uma vida passada valorizando muito seus interesses, com dificuldade e resistência em fazer mudanças. O caminho da evolução é aprender a transformar-se interiormente, respeitando os valores e interesses dos outros, superando padrões e conceitos sociais passados.

NODO SUL NA CASA 3 / NODO NORTE NA CASA 9 (GÊMEOS/SAGITÁRIO)
O nodo sul mostra uma vida passada de desenvolvimento racional, buscando informação de muitas pessoas, com pouca intuição e mente abstrata, perdendo-se dos seus pensamentos e sentimentos, adiando decisões, dispersando-se. O caminho da evolução é aprender que o mundo não é só conhecimento e informação, e que cultivando uma via filosófica ou espiritual despertará em si qualidades de síntese, falando menos e ouvindo mais, aprofundando a sua reflexão, concentrando-se mais em ideias e menos em palavras. Viajar o ajuda a ampliar sua perspectiva e ele encontra seu maior sucesso longe do local de nascimento. Para alguns, a vida será muito influenciada por um estrangeiro.

NODO SUL NA CASA 4 / MODO NORTE NA CASA 10 (CÂNCER/CAPRICÓRNIO)
O nodo sul mostra uma vida passada de muito envolvimento familiar, com muita emotividade, excessiva susceptibilidade e imaturidade emocional. O caminho da evolução é aprender a se dedicar a outras esferas da vida além do envolvimento familiar assumindo responsabilidades sozinho, aventurando-se no desconhecido o que irá contribuir com sua integração no mundo e com a sua maturidade emocional.

NODO SUL NA CASA 5 / NODO NORTE NA CASA 11 (LEÃO/AQUÁRIO)
O nodo sul mostra uma vida passada sob holofotes, em um palco, sendo importante, orgulhoso, dominador e egocentrico, com desejo de ser reconhecido, recebendo aplausos e sendo amado. O caminho da evolução é aprender a compartilhar e ser solidário, capaz de ser quem é sem exigir aplausos e reconhecimento, vendo-se como parte de outros e parte de uma causa maior.

NODO SUL NA CASA 6 / NODO NORTE NA CASA 12 (VIRGEM/PEIXES)
O nodo sul mostra uma vida passada em que responsabilidades, obrigações, trabalho, ordem, limites foram muito pesados. O caminho da evolução é aprender a definir prioridades, deixando de julgar e criticar, ou perdendo-se em detalhes insignificantes. Assim deve aceitar as fraquezas humanas, tanto suas quanto dos outros, sendo mais fiel ao que sente e não ao que pensa; fiel à sua vontade e não às suas obrigações. Sua necessidade é de cultivar o lado metafísico da vida, abstrato, fortalecendo sua fé e assim encontrar sentido e significado mesmo nas experiências mais difíceis.

NODO SUL NA CASA 7 / NODO NORTE NA CASA 1 (LIBRA / ÁRIES)
O nodo sul mostra uma vida dependente dos outros ou mantendo relacionamento insatisfatórios por medo de não conseguir sobreviver sozinho, sendo influenciável, indeciso e com dificuldades de tomar decisões. O caminho da evolução é aprender a ser independente, encontrando equilibrio entre suas iniciativas e a receptividade aos outros.

NODO SUL NA CASA 8 / NODO NORTE NA CASA 2 (ESCORPIÃO/TOURO)
O nodo sul mostra uma vida passada utilizando seu poder de envolvimento emocional e sexual com os outros e tendência a viver com base nos recursos alheios. O caminho da evolução passa pela construção do seu próprio valor, desenvolvendo a auto-estima e acreditando nas suas capacidades para obter a paz e a segurança que necessita.

NODO SUL NA CASA 9 / NODO NORTE NA CASA 3 (SAGITÁRIO/GÊMEOS)
O nodo sul mostra uma vida passada com muita necessidade de liberdade, interesse por questões filosóficas, conhecimento, estudos superiores, viagens ao exterior e aventuras. O caminho da evolução é aprender a viver mais o dia-a-dia, convivendo mais com as pessoas e situações do seu meio mais próximo, irmãos, parentes e vizinhos, que podem ajudar a encontrar as respostas aos seus problemas.

NODO SUL NA CASA 10 / NODO NORTE NA CASA 4 (CAPRICORNIO/CANCER)
O nodo sul mostra uma vida passada buscando autoridade e poder, além do reconhecimento social da parte dos outros. Pode haver fortes laços cármicos familiares. O caminho da evolução revela que para desenvolver-se deve construir uma base emocional sólida. Mais do que o êxito social, seu aprendizado é cultivar os afetos em relação ao lar e à família para que os seus sentimentos possam finalmente fluir e expressar-se livremente.

NODO SUL NA CASA 11 / NODO NORTE NA CASA 5 (AQUÁRIO/LEÃO)
O nodo sul mostra uma vida muito projetada em amigos, grupos, associações, na esperança de realizar certos desejos e aspirações. O caminho da evolução é aprender que para sua realização deve se encontrar como ser individual, desenvolvendo sua auto expressão, seu poder criativo, vivenciando sentimentos nas relações afetivas e integrando-se com outros. O desafio é conseguir sair do encantamento de seus sonhos e esperanças.

NODO SUL NA CASA 12 / NORTE NORTE NA CASA 6 (PEIXES/VIRGEM)
O nodo sul mostra uma vida passada em isolamento, contemplação, sofrimento, necessidade de recolhimento para fazer retrospecção das situações vividas. O caminho da evolução é aprender a responsabilizar-se. Só assim poderá ajudar o próximo, aprendendo a organizar-se, a criar métodos de trabalho que ajudem no seu auto-aperfeiçoamento e para o crescimento dos outros.
Related Posts with Thumbnails

Follow by Email

Quero acompanhar este blog

Pesquisar este blog

Carregando...