agosto 06, 2011

Ponto Médio entre planetas


Embora pouco considerado, o Ponto Médio se constitui um excelente apoio nas interpretações do mapa natal, dos planetas em trânsitos e do mapa progredido. De uma forma simplificada, o Ponto Médio é exatamente a metade da distância entre dois planetas ou entre pontos significativos do mapa astrológico, mesmo entre planetas que não formam aspectos maiores entre si.

Os Pontos Médios foram citados por Bonatti, um dos maiores astrólogos do século 13, porém só foram difundidos no século 20 através da Escola de Hamburgo de Alfred Witte e da Cosmobiologia em Reinhold Ebertin. Essas escolas utilizavam o eixo dos Pontos Médios, ou seja, a metade da distância entre os planetas tanto do menor arco quanto do maior arco. Por exemplo, um planeta a 26º de Câncer e outro a 26º de Escorpião, terá um ponto médio a 26º de Virgem no arco menor e 26º de Peixes no arco maior. 

Segundo Robert Hand, a utilização dos Pontos Médios combinada com técnicas tradicionais podem oferecer uma boa interpretação. Outras experiências também provaram que os Pontos Médios são pontos sensíveis aos trânsitos, às progressões e a outros eventos astrológicos. Sendo um terceiro fator, dá maior definição como também maior exatidão às interpretações. Alguns autores consideram que o Ponto Médio de arco menor tem maior eficácia, no entanto, quando os planetas estão separados de 150º a 180º, o Ponto Médio seria considerado igualmente. A orbe considerada pode ser de até 4º para os aspectos maiores e 2º para sesquiquadratura.

A interpretação do Ponto Médio leva em consideração os significados dos planetas envolvidos. Se no Ponto Médio entre dois planetas existir um ou mais planetas, os significados de todos os planetas deverão ser combinados. Por exemplo: Vênus no Ponto Médio entre Marte/Saturno indica frieza de sentimentos, crueldade, não se considera digno de receber amor ou se envolve em relacionamentos complicados. No entanto, se Vênus estiver em bom aspecto com Júpiter, mostra um poder de encantar os outros e facilidade para iniciar os relacionamentos.

Para interpretar corretamente um planeta em um Ponto Médio deve-se observá-lo no contexto do mapa. Os Pontos Médios mais importantes são aqueles que envolvem o Ascendente, o Meio do Céu, o Sol e a Lua. Quando dois planetas estão em bom aspecto, o Ponto Médio entre eles estará em bom aspecto com ambos. Quando dois planetas não formam aspecto maiores entre entre si, deve-se observar o contexto de cada um isoladamente. Sempre há um Ponto Médio entre dois planetas.

A casa ocupada pelo Ponto Médio indica onde os planetas irão direcionar de modo efetivo com os seus significados. Quando não há um planeta conjunto ao Ponto Médio, ele permanece inerte até ser ativado por um trânsito e progressões de planetas ou ângulos, que podem provocar situações e acontecimentos. Em consequência ativam também os dois planetas que formam o Ponto Médio. Por exemplo: Plutão transitando sobre o Ponto Médio entre o Ascendente e Meio do Céu indica grandes mudanças de vida. 

Quando utilizamos os Pontos Médios nas Sinastrias, o mapa médio e o composto são baseados nos Pontos Médios. Assim, quando o planeta de uma pessoa estiver em conjunção ao um Ponto Médio do mapa de outra pessoa, provoca um novo fator entre essas duas pessoas. O Mapa Médio da sinastria utiliza tanto o menor quanto o arco maior. O mapa composto utiliza sempre a média da menor distância. 

Algumas interpretações de Pontos Médios podem ser dadas como exemplos, se bem que os Pontos Médios possam ser calculados entre quaisquer planetas. Em todos os exemplos, deve-se considerar ainda as casas e os signos ocupados pelo Sol, pela Lua e pelo Ponto Médio para completar a análise. 

Mercúrio no Ponto Médio entre o Sol/Lua indica uma pessoa com muita habilidade intelectual que tem necessidade de trocar ideias. Ela une as polaridades através do diálogo e da análise intelectual. Por exemplo: Sigmund Freud, criador do Psicanálise, propôs unir a polaridade através da interpretação dos símbolos da psique. Mercúrio era o mensageiro dos deuses entre o céu e o mundo subterrâneo. Ele manteve suas relações especialmente no âmbito intelectual e cultural. 

Vênus no Ponto Médio Sol/Lua indica uma pessoa complacente, sociável, com muito encanto e beleza. A união das polaridades se obtém de forma amorosa, sensual, criativa e artística. Por exemplo: Marques de Sade, um escritor libertino que escreveu seus livros enquanto estava ma prisão. Do seu nome surgiu o Sadismo, uma perversão sexual. Ele tinha Vênus no ponto médio Sol/lua e vênus em quadratura a Marte em áries. 

Marte no Ponto Médio Sol/Lua indica uma pessoa enérgica, de muita vitalidade, que atrai o risco e o perigo devido suas atitudes. A união das polaridades é através da ação violenta e agressiva. Outra forma de expressão de Marte nesse ponto médio é formar relacionamentos com intenções meramente sexuais, ou ter uniões de rápida duração; os pais podem ser separados. Por exemplo: Wiston Churchill, as guerras internas se conectam com as externas. 

Júpiter no Ponto Médio Sol/Lua tem muito entusiasmo e confiança em si mesma, faz muitos contatos mas também tende à dispersão e aos excessos. O caráter é de um otimismo excessivo. É um fator positivo para atividades diplomáticas, parcerias e uniões com pessoas estrangeiras ou realizadas no estrangeiro. A união das polaridades se encontra na filosofia e nos caminhos religiosos. Por exemplo: Janis Joplin, famosa cantora que teve grande sucesso nos anos 60 e morreu de overdose. 

Saturno no Ponto Médio Sol/Lua indica tendência à solidão ou à interiorizaçao. A união da polaridade está na profundidade do ser ou se realiza através de compromissos sérios e responsáveis. O aspecto negativo pode se manifestar em relações difíceis ou no sentimento de sentir-se afastado dos outros, de seus país ou longe do pai. Por exemplo: M. Gandhi com sua imagem ascética e seu autosacrifício pelo povo da Índia. 

Urano no Ponto Médio Sol/Lua indica a busca de independência, originalidade e o medo das uniões. É um rebelde que se curva com facilidade aos compromissos. A união das polaridades se realiza no ato de descobrir ou de contribuir com alguma inovação, invenção ou renovação para sociedade. Por exemplo: Che Guevara, o inconformista e revolucionário que idealizou e comandou a Revolução de Cuba. 

Netuno no Ponto Médio Sol/Lua indica uma pessoa intuitiva que consegue captar as coisas sutís das relações, podendo perceber sutilmente a essência dos outros e do mundo. A união das polaridades se realiza ao lidar com o imaginário, com os sonhos e as águas. Por exemplo: Jacques Cousteau, oceanógrafo, que dedicou sua vida a investigar e salvar a vida marinha. 

Plutão no Ponto Médio Sol/Lua indica grande força para se aproximar dos outros, porém a união das polaridades pode surgir através de uma experiência dramática ou traumática. A união das polaridades se expressa para o poder e para o talento de comandar. Por exemplo: Mao Tse-tung, que tinha Plutão no Ponto Médio ou Adolph Hitler que tinha Plutão em quadratura ao Ponto Médio. 

Algumas experiências de nossa vida, que muitas vezes parecem não ter explicação por trânsitos ou progressões, estão exatamente nos pontos médios ou lotes quando são acionados. Os Lotes, também chamados Partes Árabes, são calculados através de pontos médios entre planetas, cúspides ou entre o ascendente e planetas, sendo usados para complementar informações sobre assuntos específicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por sua visita ao blog; desde já agradeço seus comentários. Ou mande-me um email: lu_ou_lucia@hotmail.com

Related Posts with Thumbnails

Follow by Email

Quero acompanhar este blog

Pesquisar este blog