setembro 29, 2010

O retorno de Júpiter



O retorno de Júpiter ocorre aproximadamente a cada 12 anos, que é o tempo que leva para dar a volta no zodíaco e retornar à sua posição natal. Dessa forma, quando Júpiter faz conjunção à sua posição natal pode indicar uma fase em que nos sentimos com maiores expectativas, tendemos a manter o foco sobre os assuntos representados por Júpiter no mapa natal, por sua regência, posição no signo, na casa e aspectos; iniciando um novo ciclo que terá duração por mais 12 anos.

No primeiro retorno, mais ou menos aos 12 anos, percebemos que estamos deixando para trás a nossa infância e estamos entrando na fase da adolescência. Em geral, experimentamos uma enorme expansão em nossas vidas, percebemos o mundo além de nossa família e escolhemos amigos e colegas do colégio, que também estão nesse processo. Queremos aprender sobre tudo, de forma rápida, expandimos a nossa mentalidade e estamos interessados em estudar e descobrir uma vocação. Mergulhamos em livros, internet e tudo que possa nos trazer mais conhecimento. É uma fase de transformações hormonais, uma maior produção de hormônios, dando-nos as características físicas, masculino ou feminino. Tendemos a desafiar todas as estruturas de autoridade, dos pais, avós, professores e temos a percepção ampliada do quanto podemos interferir nessas estruturas, apenas como experiência. Na primeira oposição de Saturno passamos à confrontação da autoridade.

No segundo ciclo de Júpiter, aos 24 anos, estamos ansiosos para entrar no mercado de trabalho, ganhar o próprio dinheiro, queremos realizar algo para marcar nossa posição no mundo, após termos concluido a faculdade ou estudos profissionalizantes. Nos percebemos mais adultos e nos esforçamos para nossa realização individual. Estamos mais exigentes em relação ao nosso grupo familiar e social e nosso sucesso depende da forma de nos colocarmos perante o mundo; e da nossa experiência e convivência com os outros. Olhamos para o futuro com a expectativa de conquistarmos uma posição privilegiada. Dessa fase irá depender os próximos ciclos.


No terceiro ciclo, nos tornamos adultos, mais amadurecidos pelo ciclo de Saturno, e aos 36 anos já constituimos uma família, e sentimos uma nova onda de expansão em que pretendemos crescer profissionalmente, adquirir nossa casa própria, realizar sonhos acalentados desde nossa adolescência, que estivemos adiando em função da nossa especialização profissional e em favor de nosso cônjuge e filhos. É uma época de consolidação da individualidade e da realização material, e também das experiências e desafios através da oposição de Urano.


Depois de passarmos pelo ciclo da oposição de Urano e pela quadratura de Saturno, aos 48 anos sentimos a necessidade de ampliar nossos horizontes. Muitas pessoas despertam o desejo de estudar, voltar para a faculdade, fazer um novo curso, adquirir uma nova profissão. É uma fase em que pretendemos alcançar uma expansão do círculo de poder, da influência que podemos imprimir no mundo, da satisfação e realização pessoal, em termos pessoais e profissionais, e podemos buscar funções mais elevadas na profissão que nos faça sentir mais poderosos.

Quando chegamos aos 60 anos, acontece um dos ciclos mais importantes de Júpiter, depois de passar pelo retorno de Saturno. Após a avaliação do que fizemos de nossa vida, vemos um novo mundo de possibilidades à nossa frente. Muitos já não têm obrigações com filhos e família, já podem ter alcançado um status financeiro mais estruturado, e assim se tornam mais interessados em se desenvolver através de novos horizontes, porém a um nível de satisfação pessoal. Alguns querem viajar, conhecer o mundo e culturas; outros se interessam em absorver outro nível de conhecimento, espiritual ou social.

Aos 72 anos temos a tendência de nos dedicarmos muito mais às nossas realizações pessoais, pois sentimos que a vida se encaminha para uma finalização. Muitas pessoas podem ter um acentuado interesse em fazer coisas que nunca fizeram, seja por medo ou falta de oportunidade, como saltar de páraquedas, por exemplo. A percepção é de aproveitar ao máximo o tempo de vida que ainda lhe resta. É uma época que não estamos mais presos às opiniões dos outros e podemos até exagerar em nossas manifestações jupiterianas.

setembro 27, 2010

Teoria dos transitos de Plutão - 4a. parte



Plutão funciona durante 3 a 4 anos, 4° antes, grau exato e 1° depois. Plutão não se mostra claramente e age por etapas, e cada etapa representa um acontecimento. Na fase inicial há um fato marcante relacionado à remoção de algo para que haja limpeza, ou você mesmo desiste de algo e pressupõe que vai lidar com a situação.

Depois vem a segunda fase que é de resistência, de inconformidade, a perseguição do objeto perdido, não aceita, não admite. É como uma obssessão e quanto mais demorar essa fase crucial, mais demora as outras etapas. Você quer de volta o que lhe foi tirado no grau exato. Você tem ressentimentos - sente novamente.

Na terceira fase, você se dá conta, deprime-se, aceita a perda, se torna enlutado pelo que se foi. Dessa forma, essa fase se torna sadia e produtiva. Daí você parte para a fase seguinte, de retomar a sua vida, refaz seus planos, recomeça sem o que lhe foi tirado. Quando termina o transito, 1° depois, a vida lhe devolve tudo o que lhe foi tirado, mas então você não quer mais - é a fase do resgate.

No caso de uma morte, você retoma a vida e passa a conviver normalmente, incorpora a perda e não tem mais o ressentimento.
Você retoma a vida em outras bases, com novas estruturas, você se desliga do que lhe foi tirado. Mas para entender totalmente a sua história, você leva quase 10 anos e vê a repercussão dos fatos acontecidos. Quando Plutão se torna retrógrado, você não consegue recomeçar, porque surgem novas circunstâncias, mas quando segue em frente, você ainda passa pelo trânsito, porém sabe o que deve fazer.

Com Plutão você percebe que não tem controle, e também se relaciona com a perda de controle. Você só enxerga apenas um ângulo, mas consegue ver até a raiz e percebe o que estava oculto ou encoberto. Você consegue ver os perigos e ameaças da realidade. O que ocorre é tipo uma inflamação de algum ponto de sua vida, que causam mágoas, rancores e ressentimentos. Se você adota uma visão amarga do mundo, das pessoas ou de si mesmo, você não vê o desenvolvimento de sua potência e pode desenvolver a tal Sindrome do pânico.

Plutão normalmente retira de você aquilo que você não quer mais.Talvez você possa ficar intrigado com essa afirmação, mas a verdade é que você no transito de plutão se torna incapaz de receber um "não" ou de ser contrariado. Você deseja que tudo seja feito conforme sua vontade e quer ter controle sobre tudo. Então esse complô que você arma com a vida e o sentimento hostil, também provoca hostilidade nos outros, e exacerba o que existe de obscuro em você. Se esse ponto obscuro altera seu campo vibratório de forma hostíl, você atrai situações de crimes, roubos, assaltos e assassinatos.

Outro aspecto é de você testemunhar situações criminosas ou sigilosas, ou situações existentes há muito tempo são descobertas. No transito de Plutão você descobre uma parte e quando investiga acaba descobrindo mais ainda. Coisas do passado são descobertas, extravio de papéis que valem dinheiro, descoberta de segredos pessoais ou profissionais, problemas com pessoas investidas de poder; há um cheiro de traição no ar.

No caso de Plutão/vênus em quadratura, você descobre um caso que já vem de muito tempo, ou passa por situação de abandono, por morte ou separação. Pode ocorrer ainda de você lidar com taxas, impostos ou perder dados irrecuperáveis.
Durante esse trânsito também altera-se a sexualidade, aumenta a paixão, o enamoramento, intensifica a fascinação, vê coisas onde não tem e se sente atraído pelo risco e para o perigo.

A exposição ao perigo lhe dá uma sensação de êxtase, você fica passional e provocativo, impõe-se para gerar conflito, se torna inconciliatório não dando alternativa aos outros. Tornando-se prepotente, você atrai a agressividade, atitudes extremas ou catástrofes. Usando de insolência, em situações de xeque mate, sempre encontrará um opositor mais forte.


Outros aspectos de plutão é a amarga decepção, o desmoronamento, a perda de poder. Você pode até alcançar o poder nessa época, mas terá de saber lidar com ele. Existe algo que você não sabe, e você só descobre depois, as causas dos problemas. Se houver litígios, separações, pode ocorrer de um dos dois não aceitar a perda e, se houver outros aspectos desarmônicos, pode chegar à agressão de fato, pois Plutão também simboliza a vingança.


No transito de plutão também pode haver um reencontro com pessoas do passado que estiveram ausentes por longos anos. Esse reencontro pode ser reconciliatório que chega para curar rancores e mágoas, um retorno que funciona como resgate dos tempos. Você atrai pessoas do passado que estão saindo de alguma situação e você atua como agente de regeneração. Pessoas que foram diferentes no passado ou com as quais você tenha um resgate cármico ou que estão em dívida com você.

Em alguns casos retornam amigos perdidos por desencontro. Aparecem pessoas que tem poder sobre sua vida ou sobre você, ou ainda que são prepotentes com você. E você é obrigado a suportar estas pessoas que estão em crise, talvez com problemas na área da sexualidade, ou que são obssecadas por você ou você por elas; que te controlam ou você começa a controlar. Também podem aparecer pessoas ciumentas, controladoras ou que insistem em mudar você ou você deseja manipulá-las.

Uma forma de enfrentar os transitos desarmônicos de Plutão é esquecer o próprio poder; fique calado, fique na sua, não se exponha, não se mostre, não rebata. Se aparecer um concorrente poderoso, fique na sua, não alimente o poder do outro. Esvazie-se do seu Eu, homenageie o outro, fique humilde para não ser humilhado. Arrume um lugar dentro de si, e fique lá.

Abra mão do controle sobre os outros, não apareça quando não for preciso, não espere ardentemente a posse de nada nem de ninguém, não se fixe obssessivamente, pois ladrão nunca rouba o que você não quer. O que você deseja desperta cobiça nos outros, por isso, seja cuidadoso com o que é seu, pessoas e posses, não peça empréstimos e não faça empréstimos. Não seja avalista, não assuma responsabilidades pelos outros, não faça dívidas sem controle.


Não provoque o destino, não assume riscos desnecessários, limpe as situações, esclareça. Se não for possível, se algo parece muito estranho, afaste-se. Cuidado ao entrar em relacionamentos sexuais novos, procure conhecer a fundo com quem você se relaciona. Não negligencie sua segurança pessoal e nem sua saúde. Não provoque, não desafie a lei, não mande o outro embora de forma humilhante para não despertar o sentimento de vingança.

Poupe o ego do outro, não provoque perdas a terceiros, pague suas dívidas e não ostente riqueza. Não se regogize com as derrotas dos outros, não compre inimigos gratuitamente.
Gastar a energia do planeta requer que você assuma o poder primeiro sobre si, e distribua o poder externo com os outros. Assim você não se responsabiliza por tudo, não manda em tudo, não atrai rivalidades, inveja e ódio, e o melhor de tudo, se algo der errado, você sempre terá com quem compartilhar a culpa.

Teoria dos transitos de Netuno - 3a. parte



Nos trânsitos de Netuno a sua visão vê o conjunto mas negligencia detalhes; você fica dipersivo e amplia sua atividade psiquica. As coisas são percebidas sem contornos claros e o que óbvio para todo mundo você não vê. Ouve vozes que não existem, sente cheiros que não tem, tem maior tendência à premonição. Netuno obstrui a clareza, confunde, fantasia, perde-se no meio do pensamento, há um erro de avaliação, se engana - toma uma coisa por outra, a realidade não é o que parece ser ou você não vê a realidade, o que está realmente acontecendo.

Quando Netuno faz aspecto com Mercúrio você recebe a informação pela metade, tem falsa impressão, perde-se da realidade, não vê detalhes óbvios, não está atento às mínimas coisas que fazem grande diferença e deixa de fazer perguntas que poderiam esclarecer. O seu comportamento se torna flutuante, sem direção, sua atitude se torna indireta e imprecisa, vaga, distraída, displicente e desligada.

Nos trânsitos de Netuno, psicologicamente você fica emotivo, frágil, tem baixa força de vontade, entorpecimento, uma indefinição mental e emocional que predispõe à ingenuidade. Você imagina que encontrou uma situação paradisiaca, você toma as coisas e pessoas como se fossem reais, você não consegue enxergar o que o outro lhe mostra, só vê o que você quer ver. É por isso que dizem: quem ama o feio, bonito lhe parece!

O que acontece é que você fica influenciável, você se identifica com uma coisa e reduz sua própria identidade. Você também sente seu senso de compaixão ampliado ficando vulnerável para que tirem proveito da sua ingenuidade. Todos os dias sai um bobo e um esperto de casa; e tudo acontece quando eles se encontram... Pode haver ainda um desencanto, melancolia e estados psiquicos alternados que destrói o Eu criando insegurança. Você cria e imagina medos fantasiosos.

Se Netuno faz contato com vênus, lua ou nodo da lua, em seu mapa você fica simplesmente apaixonado. Não é por nada e nem por ninguém, é uma paixão sem destino, sem objeto. Por isso pode ter sentimentos confusos pois Netuno solapa, corrói aos poucos. Aparentemente não te mostra o que está cortando e você se sente fragmentado, vai às cegas, tateando e pode acabar caindo em buscas espirituais delirantes ou ser vítima de alguém que te encontra perdido e vagando, conseguindo levá-lo para onde quiser. E você acaba tendo intuições erradas, pois associa as coisas por intuição que não garante o resto. Vê muita coisa em conjunto mas não vê o principal.

No estado físico há maior sonolência, pouca resistência, cansaço, se torna sujeito a contaminação, alergia, anemia, reações a anestésicos, pressão baixa. Pode ocorrer sinais de esclerose, tendência ao enfraquecimento e debilidade, metastase. No transito de Netuno as doenças se agravam e podem ocorrer erros de diagnóstico ou de exame, envenenamento, intoxicação alimentar e por remédios, disfunção e infecções difíceis de detectar a causa. A contaminação por radiação é netuniana; não mostra seus efeitos imediatos mas solapa a resistência.

Um dos aspectos de Netuno é que você se sente cansado e sonolento durante o dia e durante a noite tem insônia. Se você trabalha por conta própria, com algo que não exija horários, pode até passar a noite trabalhando. Mas se você tem uma rotina, tem de bater o ponto na empresa, você terá problemas se não aproveitar todos os momentos de descanso para relaxar. Não se esforce demais, diminua seu ritmo, durma quando tiver oportunidade, não se sobrecarregue de obrigações. Assim você mantém o corpo descansado para enfrentar seus compromissos.

Externamente você se vê lidando com problemas relacionados com água, vazamentos e infiltrações. Em casa é comum ter de lidar com pragas domésticas como cupins, formigas e outros, aplicando venenos ou tem problemas com remédios. É comum sumir papéis importantes, perder dados importantes, ter respostas imprecisas ou as pessoas mentirem ou omitirem. Geralmente tem tendência a prolongar situações que poderia desfazer e dificuldade em tomar atitudes. O que acontece é que o problema acaba se alastrando e não fica restrito. Netuno espalha e embola. Os acordos mútuos, duplos ou ambiguos são comuns, assim como traições, desilusões, decepções, enganos etc. .

Nos transitos de Netuno, devido ao campo vibratório alterado, você atrai pessoas e situações confusas, sem limites, drogados, alcoolatras, viciadas ou que simplesmente não conseguem colocar a própria vida em ordem. Às vezes pessoas doentes, debilitadas ou que estão passando por situações difíceis, encontram o caminho de sua casa. Outro tipo de pessoa que se atrai são aquelas que estão numa fase indefinida de vida, sem emprego, sozinhas, sem lugar de morar, que te encontrando perdido e vagando, vão encontrar o cminhioa sua casa e será difícil se separar delas.

As atitudes para melhor enfrentar os transitos de Netuno, que funcionam como antídotos, são os símbolos de Saturno: se organize, faça arquivos, agende seus compromissos, guarde as coisas em locais visíveis, coloque etiquetas - porque a memória fica comprometida. Quando for pegar uma informação, faça perguntas, não aceite informações pela metade, esclareça o que não entender. Se achar que são poucas as informações ou dúbias - de duplo sentido, esclareça. Não aceite respostas vagas.

Outro antídoto é fazer estritamente o essencial, faça o mínimo, pois você não está eficiente. Consulte pessoas de bom senso, especialistas, peça mais de um conselho, faça muitos orçamentos antes de decidir uma compra. Aliás em matéria de compras você pode facilmente cair no papo de vendedor. Por isso, nunca compre num só dia. Primeiro pesquise, busque o que quer e estabeleça um prazo para fechar a compra, melhor ainda se tiver alguém que possa opinar. Lembre-se que você está vulnerável e que sua concentração e atenção estão comprometidos. Sempre trate as coisas por escrito, documentado por contrato, que você deve ler e reler; e se possível, peça a alguém de sua confiança para ler também.

Nos transitos de Netuno a auto-medicação pode ser perigosa, por excesso da dose ou por mistura de remédios. Nisso estão incluídas também as drogas e álcool, pois um excesso de consumo pode levar ao coma ou à morte; assim como a mistura de remédios com álcool. Ao lidar com venenos e produtos químicos tenha muita atenção para não se contaminar.

Outra fragilidade que Netuno provoca é a confiança desmedida e a ingenuidade. Uma coisa sempre se liga a outra mas não conseguimos ver isso claramente. Você liga o real à fantasia ou fantasia algo que não corresponde ao real. Por isso, não confie nas suas avaliações, cheque atitudes dos outros, confira trocos e contas. Os outros podem até não estar agindo de má fé, é você que está atraindo pessoas distraídas e vulneráveis.

Se um parceiro está com problemas, dê-lhe apoio antes que ele atraia alguém para fazer isso. Conheça os sonhos de seu parceiro, observe os desencontros de sonhos. Uma das formas de enfrentar os trânsitos de Netuno é contemplar algo inspirador, ouvir musica, assistir a uma orquestra, observar a chuva ou o mar. Netuno funciona de maneira insidiosa, é sutíl, infiltra, amplia, torna-se forte gradualmente. Debilita, para assim se ampliar.


setembro 26, 2010

Teoria dos transitos de Urano - 2a. parte



O transito de Urano atua principalmente sobre a percepção provocando excitação, aceleração e eletrificação. O processo de percepção é violentamente alterado, há um despertar, um estado de alerta e vigilia. A percepção das coisas se torna acelerada, muitas coisas ocorrem de forma rápida e simultãnea. A percepção considera o volume de coisas que acontece de forma descontínua, aos saltos.

A percepção se inclina a perceber as coisas de forma espasmódica, vai de
uma coisa para outra e dali para outra, retorna e pula para outra lá na frente. Pula-se de uma coisa para outra que não tem nenhuma conexão. Assim também são os sentimentos e ações conflitantes que mudam de um estado para outro. Você percebe algo por um lado, logo depois percebe de outro lado. Mas quando percebe de novo, tudo já mudou; dessa forma não dá para fixar e nem deve fixar.

Percebe-se as coisas por contraste e não por semelhança, daí faz uma associação: precisa do oposto para avaliar. Por
exemplo: Se você almoça em casa todos os dias, você tem que comer em um restaurante por alguns dias para perceber que a comida de casa é melhor. Se você é casado, precisa descasar para perceber a diferença. Você percebe por inversão, porém ninguém permite ao outro essa experiência; é por isso que o outro acaba pulando fora, por falta de opção. A pessoa percebe as coisas, fatos e pessoas por separatividade. Exacerba o movimento separatista: isto é oposto daquilo - isto está desconectado daquilo - estou vendo isto e não vejo aquilo. A pessoa não desliga definitivamente, ela apenas se separa.

A pessoa se torna avessa à acomodação e ao sedentarismo; entra em evidência uma percepção de tudo que seja
opressor e limitador. Ás vezes nem é mas toma uma dimensão como se fosse. O que ocorre é uma supervalorização que em outras épocas não se sentiria assim. A pessoa fica intolerante a qualquer coisa que tenha um mínimo de opressão. A predisposição é sentir e reagir psicologicamente com ansiedade e talvez até através de males físicos tais como gastrite.

Surge um sentimento de emergência, um estado de precipitação que nem
seria necessário, principalmente se o trânsito envolve Sol ou Marte. Uma das causas da ansiedade é a precipitação, quer resolver logo as coisas. Outra é a antecipação, sente hoje por algo que ainda vai acontecer. O sentimento de urgência e emergência aumenta a intolerância e prefere o corte ao conserto. Pensa que é melhor cortar de uma vez do que tentar melhorar.

O senso de individualidade se exacerba porque tem a percepção da separatividade.
Há maior motivação para a independência, para o novo e se desmotiva pela repetição. O sentimento de liberdade se amplia e muitas vezes corre riscos que normalmente não correria. Motiva a clareza, diz coisas que nunca pensou em dizer. A pessoa quer se sentir à vontade, oscila de um estado de espírito ao outro e onde está nunca está bom.

Também aumenta a necessidade de espaço. Tudo passa a ser percebido como pequeno e que oprime. Reclama que a
cama está pequena e precisa de uma cama maior; o quarto é pequeno é precisa de outro maior; a casa é pequena e precisa de outra maior; o mundo é pequeno, a pessoa quer um mundo maior. Tudo oprime, tudo é percebido como limitador. É por isso que nos trânsitos de Urano ocorrem acidentes, porque a pessoa quer ocupar um espaço maior do que tem disponível. Ela não quer ficar presa entre carros num congestionamento; na estrada quer o caminho livre só para ela.

Em termos de comportamento a pessoa quer movimento e não tem paciência para seguir etapas. A pessoa salta etapas,
não faz as coisas gradualmente. Ela efetiva mudanças bruscas que normalmente ocorreria em anos; inesperadamente muda toda a vida. Pode até recuar posteriormente mas a necessidade de mudança rápida fala mais alto. Se uma pessoa tem muito elemento terra no mapa, tipo Capricórnio, Touro ou Meio do Céu em Virgem, a passagem de Urano vai fazer a pessoa resistir e a dor de fazer mudanças será muito mais dolorosa.

O que acontece é que Urano é mudança. Se
Urano entra na sua Casa 10 da profissão e te encontra cheio de planos no seu emprego, não percebe as mudanças que estão no ar, então há muito mais chances de que uma demissão venha a lhe pegar desprevenido. Mas se você incorpora a energia uraniana, busca um curso de atualização, aprende coisas novas, com certeza você estará agindo de forma a atrair uma mudança para melhor na sua vida e pode até ser promovido.

A força de ação de um planeta depende do quanto a pessoa já gastou dessa energia na vida dela. Por exemplo, alguém
que tenha Urano no ascendente e que não tenha utilizado muito das energias de Urano na vida dela, o planeta vai exigir uma atualização. E quando esse planeta expressa todos os seus significados, se expressa com muita intensidade, não só em qualidade mas também em quantidade. Vai depender do quanto precisa ser atualizado.

Quando uma pessoa não
está atualizada com o planeta, faz mais besteiras do que qualquer tipo Uraniano faria. Outro exemplo é quem tem pouco fogo no mapa, quando se arrisca se arrisca demais, mais do que qualquer ariano faria. A pessoa pode estar tão desatualizada com as energias e ela não sabe a extensão do risco que está correndo.

O
planeta para se expressar num transito depende do espaço de manobra que ele encontra na sua vida. Uma pessoa não pode viver algo quando não tem espaço de manobra. Muitas vezes quando o planeta vai se expressar, ele encontra a pessoa com uma história de vida onde tem compromissos sociais, profissionais, pessoais e vínculos formados.

Por exemplo: Você está numa idade produtiva, por volta dos 37 a 45 anos, com
uma ligação afetiva estável, filhos na escola, pagando prestação da casa própria, em um nível de resposta material exigente, tendo de ajudar ainda aos pais idosos, e você se encontra numa crise de avaliação de vida. Você até pode querer mudar mas você tem compromissos e o que ocorre é uma avaliação existencial, segundo os psicanalistas. Porque, se você tiver 17 anos, você pega sua prancha, sua mochila e vai curtir uma temporada numa ilha paradisiaca, fica por lá uns 2 anos vendo qual é a sua.

No
entanto, se você tem uns 40 anos vem essa sensação de individualidade e liberdade, o que você faz? Você tem que criar espaço de manobra. Mas como criar esse espaço? Existe uma ética que você pode criar antecipadamente. O comportamernto imprevisível, instável, descontínuo, o abandono de velhas circunstâncias ou hábitos, o descompromisso ou se comportar como se não tivesse o compromisso. Ou seja, você se comporta assim ou é comportado de outra maneira.

O que acontece é que as pessoas e situações que aparecem na sua vida estão
descompromissados com você, não estão te dando segurança. Se você não se torna ativo, acaba sendo passivo. Você se comporta e atua em termos de mudança de vida: muda de casa, muda de emprego e tudo ocorre de forma súbita, nunca é gradual. Porque você pode mudar de casa ou ser mudado; você pode pedir demissão ou ser demitido; você pode se divorciar ou ser divorciado. Não existe uma maneira de definir isso mas quando você começa a demonstrar uma vontade, a chance de que ocorra é muito maior e melhor.

A pior coisa que pode acontecer em um transito de Urano é você querer que tudo permaneça da mesma forma de
sempre, pois aí é que não vai ficar mesmo. Nada fica como antes e inclusive você também não será o mesmo de antes em relação aos assuntos que Urano toca. Naqueles assuntos você fica avesso a controle e domínio. Urano basicamente gera libertação e independência, nunca de forma gradual mas de forma espasmódica, pulando etapas. Dessa forma, coisas que você levou 20 anos para fazer, você faz em 6 meses. Urano te joga para frente, bem mais adiante e é deste patamar que você verá o que antes não via. É daquele novo patamar que você conseguirá mudar. É uma mudança dentro de outra mudança.

Por exemplo, você se separa de sua mulher, muda de cidade e arruma outra
mulher. É deste ponto, através dessa outra mulher e dessa outra cidade que você descobrirá que na verdade quer mesmo é ficar sozinho ou descobrir que gostava mesmo era da sua ex-mulher. Se você não teve filhos, descobrirá que gostaria de ter tido muitos filhos. O padrão de pessoas que aparecem, que atraimos ou associamos no transito de Urano, seja para assuntos profissionais ou amorosos, sociedades, amigos, são pessoas mais jovens ou que tem grande diferença de idade em relação à nossa idade, porque o que conta no transito de Urano é a diferença; quanto maior a diferença mais Urano aprecia.

Pode ser também alguém que pertence a um mundo diferente do seu, uma etnia, uma religião ou que tenha uma atitude diante da
vida totalmente diferente. São pessoas que tem qualidades e anseios diferentes. O que ocorre é que a percepção uraniana está mais exaltada para o diferente, não quer nada já conhecido ou igual, busca uma nova experiência.

Outra manifestação uraniana são as relações de risco ou sociedades de risco: são sem garantias e do mesmo jeito que
aparecem, somem. Você também atrai pessoas que estão saindo de situações, quebrando paradigmas ou deixando um modo de vida, mudando de cidade; elas próprias estão apenas em transito, só de passagem. Aí justamente você entra na vida delas porque você com seu trânsito de Urano representa a instabilidade. São pessoas que estão em mudança, não estão ainda reinstaladas e você pega a pessoa na transição.

De garantido não tem nada, nem você nem no outro. No
entanto, se você acha correto viver essa experiência, tenha em mente que você atrai pessoas instáveis. Você encontra pessoas que te fascinam e é muito comum a economia de tempo: você conhece uma pessoa, se separa do antigo parceiro e se casa em menos de 3 meses com o novo parceiro. Então quando há uma mudança é só o início para outras mudanças.

Também ocorre de entrar novas pessoas em nossas vidas que acabam nos levando a uma mudança de hábito, de meio e de comportamento. Tudo o que está por acontecer, acontece. Algo que estava para resolver em 5 anos, vem Urano e decide logo. Num dia acontece tudo de uma vez. Muitas vezes as pessoas perguntam: assim de repente? Não é que tenha sido de repente, é que esse processo se inicia e desenvolve durante alguns anos antes.

Outra coisa que acontece no
transito de Urano são as revelações, você descobre coisas de forma fragrante. Urano descortina, abre, aparece, surge. Você está em um lugar que nunca estaria, numa hora jamais imaginada e de repente, de forma imprevisível, você descobre algo. Por exemplo, você fraga alguém em um lugar e em um momento fora do contexto, inabitual. Você nem deveria estar ali mas justamente naquele momento algo te leva até ali, de forma imprevisível.

Às vezes você vive também os transitos de Urano por tabela. É comum nas quadraturas e oposições se relacionar com pessoas incomumente brilhantes e inteligentes ou tecnicamente muito competentes, ou pessoas extremamente instáveis por natureza, imprevisíveis, que mudam e oscilam, que mudam de idéia ou que tenham um passado instável e não ofereçam estabilidade. Geralmente nessa época você atrai coisas que estão também em mudança, você entra em sintonia com pessoas e situações que estão em fase de reorganização. É a fase de desalojamento.

Urano primeiro
desaloja e quando você pensa que tudo está estável, não está. Se você estiver formando vinculos durante os transitos de Urano, sejam afetivos ou profissionais, deve estar atento porque possivelmente não sejam de bases sólidas. Você pode fazer investimentos encima de coisas e pessoas que tem uma marca de inconstância. Urano na casa 7 mostra sua busca por liberdade no contexto do relacionamento, às vezes um desejo de relações extraconjugais ou um casamento com maior liberdade. Mas se você foi educado num sistema que preza a fidelidade, então você projeta sua necessidade no parceiro e pode se tornar vítima de traição, seu parceiro pode arranjar uma namorada mais nova.

Se você se manteve no mesmo emprego durante anos, surge alguém mais capacitado, tecnicamente brilhante, super atualizado que acaba mostrando sua defasagem. Dessa forma você tem que correr atrás de renovação para superar sua defasagem ou acaba perdendo seu emprego. Em alguns casos, se você tem um negócio, um comércio ou uma fábrica e sempre teve sucesso com seus antigos negócios, de repente aparece um concorrente com mais técnicas e novidades, oferecendo novos lançamentos, ou seja, há um confronto de algo novo às suas antigas técnicas que até então funcionavam.

Seu concorrente pode estar mais atualizado e vai te colocar em confronto com a atualização, mostrando o
quanto você está desatualizado. É comum encontrar nessa época um concorrente ou adversário que se torna uma ameaça porque está mais atualizado tecnicamente ou porque é mais jovem ou porque está com melhor disposição. Muitas vezes são os filhos adolescentes que se tornam agentes de transformação. Eles aparecem com novas coisas, idéias e te envolvem nas novidades para que você se atualize. Isso acontece muito quanto aos aparelhos eletrônicos novos, até seu filho de 7 anos sabe programar, desprogramar e você é obrigado a aprender a mexer com aquilo.

Outro efeito de Urano é que ele é precipitador das coisas. De repente, as coisas apresentam defeitos. Você manda consertar volta a funcionar, depois pára de novo e logo depois volta a funcionar novamente. São defeitos intermitentes. Também podem ocorrer curto-circuito, desabamento, incêndio, acidentes e incidentes de carro ou defeitos que aparecem inesperadamente no seu carro. Ser despedido do emprego, ser largado ou divorciado, trocar de emprego ou cargo que implica em mudança de casa ou de cidade; em decorrência a sua vida muda. Essas são manifestações uranianas.

Você
desloca ou é deslocado para outra cidade, outro departamento, muda de ramo, sua empresa remaneja o pessoal e você é deslocado para outra função. Ocorrem ainda crises no trabalho e talvez a pessoa precise mudar de ramo ou até de profissão. Você lida com cancelamento, descancelamentos, recancelamentos. É obrigado a lidar com imprevistos, com o improviso e com o remanejamento. A melhor coisa a fazer no transito de Urano é sempre deixar situações paralelas à mão; tenha algo de reserva, se arme de jogo de cintura, tenha criatividade e trabalhe com idéias paralelas.

Melhor ainda é pensar
em algo fora do contexto ou fora do padrão, criar um espaço para que algo entre como mudança. Tudo o que você faz rotineiramente deve mudar a rotina, diminua a atividade, assuma coisas de forma experimental. As coisas vão mudar tanto quanto possível e você deve aproveitar a oportunidade de mudar para melhor. É um momento de experimentar coisas novas, apesar de que não terá a garantia de dar certo mas com certeza será diferente.

Outro assunto uraniano são os acidentes de percurso. Você programa uma coisa, prepara tudo o que seja necessário e
no momento de realizar acontecem fatos inesperadamente: a luz acaba, um palco desaba, o patrocinador cancela, um avião atrasa, um estádio desaba, chove demais, ocorre uma inundação etc. São fatos que desprogramam o que estava combinado. Fatos novos entram em cena, aparecem novos rumos, novos caminhos. Você pode ter checado tudo antes, mas surge um dado novo que desprograma. É a instabilidade de Urano.

Pessoas que sacrificam sua identidade em favor da
segurança sofrem muito nesse período, porque é uma época de desprogramação. Tudo que você planeja dificilmente ocorre como gostaria. Então quando você quiser muito uma coisa faça o oposto linear, ou seja, se você tem vários programas tenha certeza de que você acabará num programa que sequer tinha pensado. Você sai para uma festa de casamento, acaba indo parar num baile de debutantes e dali acaba indo para uma balada numa boite agitada. Esteja pronto para qualquer situação.

Outro exemplo é quando você está ansiosamente esperando por alguém ou por um telefonema. Você pode esperar horas mas se resolve ir tomar banho é exatamente nessa hora que a outra pessoa vai chegar ou o telefone vai tocar. Quando você fica parado aguardando por algo, tudo fica parado. Quando você começa a ativar uma coisa, tudo se ativa também, ocorrendo simultaneamente. Se você fica esperando alguém te chamar para sair, ninguém telefona. Mas basta você fazer alguns contatos e marcar de encontrar com uns amigos, tenha certeza que logo aparecerá um monte de convites.

As
mudanças podem ser internas e até se manifestar externamente em forma de doenças. Quando acontecem coisas aleatórias que te surpreendem, normalmente não são tão de surpresa assim; internamente você desejava uma mudança, algo diferente. As situações externas aparecem através de outras pessoas para preencher um desejo que você já alimentava. Quanto mais consciente você estiver no transito de Urano, maior possibilidade terá de operar dentro da dimensão que você pretende, ou seja, fazendo uma integração entre sua intenção e as forças externas.

Quando muitas coisas acontecem ao
mesmo tempo isso significa sua aversão à mudança, é a sua passividade. Dessa forma tudo ocorre no nível externo alheio à sua vontade. Há um desalojamento na área do mapa por onde Urano transita sem colocar nada de novo no lugar e pode-se viver a desinstalação por 2 a 3 anos. De uma maneira geral, durante os transitos de Urano você deve propor uma experimentação, fazer propostas por períodos pequenos porque você está em mudança. Em caso de uma sociedade, melhor que seja mais de um sócio porque um deles pode resolver sair e você não fica na mão.

Uma outra expressão de Urano é a nível físico. Você sente mais nervosismo, tem palpitações, há aceleração cardíaca,
câimbras, espasmos, problemas circulatórios, sensação de palpitação no corpo. Observa pulsação nos cotovelos, nas narinas, nos ombros, tiques nervosos, tremores, insônia, desordem muscular, verbal e motora, morde a lingua, engasga, tem falhas nos movimentos, tensão muscular. Você sente uma excitação física e mental, tem gastrite, falta de ar, respiração curta, sente-se ofegante constantemente e tem dificuldade de relaxar.

Pode ter súbita alteração ou oscilação de pressão, se assusta por pequenas coisas, ocorrem pequenos acidentes na
canela ou nos tornozelos. Quem tem tendência, pode ter problemas neurológicos ou até ter eplepsia. O padrão de Urano é pegar você desprevenido. Portanto, se você sabe de uma aproximação significativa de urano em transito, você se antecipa fazendo check-up e previne-se, pois normalmente sempre há recomendação para uma mudança nos hábitos ou modos de vida.

Na astrologia médica pode-se constatar que uma doença uraniana aparece de forma repentina, não é uma doença que apresenta sintomas antes. Você sente algo que nunca sentiu, sem registro anterior. É um dado novo e o desdobramento é súbito. No caso da pessoa já ter uma doença, acontece algo mas totalmente diferente em outro órgão. Por exemplo: Uma pessoa estava tratando do fígado e morre devido à pressão alta, um AVC.

As doenças de Urano nunca podem ser baseadas no que vinha antes, de um diagnóstico passado. Geralmente são doenças que ocorrem de modo súbito, que não tem nenhuma manifestação anterior e nenhum desencadeamento. A idéia é desprogramação, ocorre algo que você não vê antes. Mas uma coisa é certa: você só tem doenças se estiver geneticamente programado para elas, você é predisposto e aquela doença pode acontecer inesperadamente. Se você não tem predisposição à alergia, você nunca será alérgico.

Nos transitos de Urano os meios tradicionais falham e recorrer a situações não convencionais forma uma pressão de
ruptura e o alvo mais provável de rupturas são pessoas, situações e circunstâncias inertes. Sabe-se sempre que será atingido aquilo que está parado, enraizado. Então dê impulso para o novo e diferente, imprima nova vida ao seu relacionamento, proponha ao seu parceiro uma viagem de aventura para um lugar inusitado ou até mesmo sem destino definido. Assim você renova seu relacionamento e estará eticamente mais adequada ao transito.

Tudo o que falta frescor e vigor merece ser revisto. E você vê depois do transito, uns 2 a 3 anos, que as coisas se
restabeleceram com critérios e padrões diferentes. Ao se reencaixar novamente, sobra até espaço e você tem mais liberdade e independência. Caso você mudar de residência, mude os móveis, restaure, dê nova vida, recombine de forma diferente para que algo novo venha a acontecer. Se for aspecto de urano com os Nodos, avalie a sua forma habitual de fazer as coisas e faça de forma inabitual; isso gera uma reação diferente.


Teoria dos trânsitos transpessoais - 1a. parte




Os astros estão em constante movimento no espaço e o mapa natal é o gráfico que representa a posição dos planetas no momento exato do nascimento. No decorrer do tempo, os planetas caminhando, segundo seus ciclos específicos, formam ângulos com a posição dos planetas no mapa natal. A este encontro dos planetas em movimento atual com os planetas do mapa natal, dá-se o nome de trânsito. O trânsito é como uma sinastria da posição celeste do momento sobre o mapa natal, é a qualidade do tempo, de um momento da pessoa e do mapa.

Sempre haverá um planeta formando um ângulo com um planeta no mapa natal, chamados de aspectos em trânsito, gerando acontecimentos ou percepções marcantes. Alguns trânsitos duram pouco tempo, como a Lua, que forma aspectos apenas por algumas horas, e podem significar rápidos acontecimentos ou impressões simples, que logo são esquecidos. O Sol, mercúrio, Vênus e Marte, formam aspectos por alguns dias, e podem representar situações e percepções. Júpiter e Saturno prolongam seus aspectos por alguns meses, representando mudanças e percepções temporárias. Porém Urano, Netuno e Plutão, que formam aspectos por alguns anos, podem provocar acontecimentos marcantes ou percepções que perduram para sempre.

Então trataremos dos transitos dos planetas transpessoais, que tem uma atuação durante um período mais longo, trazendo verdadeiras modificações de vida.

Os planetas no céu em trânsito apenas indicam, mas não causam, não provocam. Indicam que algo de sua natureza está se passando, sinalizando uma alteração de percepção, temporária ou definitiva. Dependendo de como se fundamenta o trânsito, interfere na interpretação que se faz do trânsito, pois depende da forma com que cada pessoa encara o trânsito. Algumas pessoas simplesmente não sentem um trânsito, e a primeira teoria é de que privilegia fatos internos, a forma como a pessoa se sente. Ocorrem mudanças internas, intra-psiquica, como por exemplo, Saturno conjunto a Netuno em que a pessoa sente inibição para conversar.

Os planetas são corpos celestes com qualidade físico-magnéticas que provocariam reações energéticas. Dentro dessa segunda teoria, em um trânsito de Saturno, o chumbo do corpo provocaria uma alteração, dando peso ao corpo e alterando a sua fisiologia. Urano sobre mercúrio, aumentaria a taxa de irradiação da corrente elétrica do corpo, deixando a pessoa inquieta e ligada. Essa teoria pode ser comprovada quando se faz exames físicos sobre essas taxas. Existem 2 teorias, em que se observou em uma tese, dos efeitos de Plutão sobre a Sindrome do pânico. Em vários mapas, selecionados através de médicos especialistas, mostrou a presença de Plutão de uma forma marcante nessas pessoas atingidas por uma horrorosa aflição.

Um médico que não entende nada de astrologia, afirmou que a doença surge inesperadamente, tem uma duração de 2 a 3 anos, e desaparece da mesma forma. Geralmente sucede após uma perda traumática, por exemplo, a perda de um emprego, de uma carreira, de um afeto, de uma pessoa, que se dilui no tempo. Embora a pessoa não consiga relacionar a perda com a doença, isto porque os ataques de pânico ocorrem de 6 meses a 1 ano depois, se perguntada sobre uma experiência traumática, ela não associa a desestruturação da perda com o sofrimento atual. A sensação relatada é de pânico, medo de morrer, medo de perder o controle, medo de ficar maluco, sem que nada externo esteja acontecendo.

A Sindrome do pânico é algo que ataca apenas em determinados momentos; a pessoa é medicada e aquilo passa, parecendo que é apenas no físico mais do que no emocional. Segundo uma das teorias que estuda a Sindrome do pânico, é de que haveria uma alteração nos níveis de adrenalina no corpo, sem nenhuma explicação. Plutão rege, entre outras coisas, as funções glandulares, a produção de hormônio e da adrenalina e isso explicaria, dentro dessa teoria, que isso se passa a nível físico e em nível energético.

Na teoria, usada na astromedicina, é de que essa manifestação não ocorre no início do trânsito, mas sim no final do trânsito. Inclusive quando se tem uma doença, nunca é no início do trânsito, mas já no final do trânsito. A impressão é de que nesse ponto já há um acúmulo suficiente de pressão física, bioquímica, energética, que acaba provocando um desequilibrio do corpo. Dentro dessa teoria, tudo ocorre em um corpo magnético, de forma magnética. Inclusive faz parte de uma pesquisa científica, em que Marte numa determinada posição poderia alterar o nível de ferro de uma lâmina. Seria de fato algo no campo fisiológico e se muda a composição de ferro no organismo. Você fica mais fragilizado e anêmico, se houver uma queda ou fica mais ativo e energético, se houver um excesso.

A terceira teoria é de que ocorreria uma alteração de percepção; não é o mundo que se altera mas a forma como se passa a perceber o mundo. O mundo continuaria o mesmo, mas a sua visão, sua percepção, o seu filtro se alteraria e, portanto, mudaria o enfoque. Aí você vê as coisas de uma outra maneira, analisa de outra maneira e tudo ocorre de outra maneira. Por exemplo, cada planeta tem o seu significado simbólico. Então quando um planeta se aproximasse para realizar um trânsito sobre um planeta qualquer, o significado do planeta transitante se tornaria expandido, e todos os outros significados ficariam reduzidos.

Dessa forma a idéia é de que quando ocorre um transito significativo de um planeta, aqueles simbolos do planeta se tornam mais elevados, ficando em evidência mais do que os símbolos de outros planetas, e assim geraria uma percepção, de forma que tudo em sua vida tivesse aquela força de expressão. Por isso, um transito de Netuno e Plutão provocaria uma alteração de percepção, que duraria para sempre.

Num periodo de 2 a 3 anos você fica simbolicamente plasmado dos significados e quando o planeta em trânsito encontra outro planeta, ele solicita ou impele a pessoa a um comportamento adequado. Por exemplo: Você sai de casa atrasado para um compromisso. Justamente nesse dia, todos os sinais estão fechados; há um engarrafamento terrível. Será que mercúrio iria fechar todos os sinais só porque você está atrasado? Logicamente não.

O que ocorre que é você está com seu timing pobre; você está em um ritmo mal coordenado, está usando mal o seu tempo, está desconcentrado, e assim você está atrasado e está achando que os sinais estão fechados só para te atrasar mais ainda. Talvez você tivesse que acordar mais cedo, não demorar tanto se aprontando, perdendo tempo com detalhes insignificantes ou decidindo por um caminho inapropriado. Pegar os sinais fechados, é consequência da sua desorganização do tempo.

Quando estamos com aspectos desarmônicos no mapa quer dizer que não estamos emparelhando bem uma coisa com outra, e temos de nos esforçar para emparelhá-las. Dessa forma, se você sabe que está com uma quadratura de mercúrio, saia de casa mais cedo, cheque os pneus antes de viajar, leve um mapa de viagem, preste atenção na sinalização da estrada, dirija com cuidado, respeite uma velocidade de segurança. São atitudes que farão diferença nessa quadratura.

O que acontece é que a realidade não se altera para seguir os seus desígnios; é você que percebe a realidade de modo diferente. Não é porque Saturno está quadrado a seu M.C. que a empresa que você trabalha vai falir, mas pode acontecer, pois é a empresa que faz parte do seu mundo, e quando você entrou nela, você deu início a uma relação com ela, criando um ciclo dentro do seu mapa.

Isso dá origem a outra teoria: é a de que não há uma separação entre nós e os outros; entre nós e nossa empresa. Haveria um mundo maior de interligações e conexões, mais do que se possa imaginar, como uma rede de captação. Uma vez que você entra na vida de alguém ou entra numa empresa, você passa a fazer parte dessas redes inter-conectadas, onde uma vez acionado um processo, toda rede seria atingida. Assim os outros não seriam apenas os outros, é uma parte do mundo que lhe diz respeito e você estaria atrelado a isso.

Todos nós temos ciclos na vida que determinam nossa entrada na vida dos outros e de outros em nossas vidas, atrelando todos num elenco. O que ocorre é uma correspondência, uma inter-relação permanente em tudo. A interpretação astrológica está exatamente em correlacionar o que acontece com uma pessoa com outras coisas. É dar significado, recodificar os fatos. Um exemplo é quando você percebe que acontecem fatos simultãneos, que aparentemente não teriam relação entre si.

Existe uma teoria que é a sincronicidade, em que tudo acontece num mesmo tempo determinado, parecendo estarem interligadas na mesma corrente de significados. A teoria junguiana explica que se você está pensando uma coisa e aquela coisa acontece, então esse é o agente de correspondência e interligação de uma rede.

A última teoria adotada por alguns astrólogos é a de que os transitos seriam portadores de mensagens dos planetas em ação. Ou seja, seria transmissor de uma idéia ou de uma missão que faria parte da evolução como ser humano. Eu particularmente não concordo muito com essa teoria. Numa determinada passagem da vida, que corresponde ao transito do planeta, você teria a oportunidade de um propósito que poderia torná-lo um ser humano mais digno.

Assim se entra numa discussão kármica representada pelo planeta, e embora seja válida, seria injusto culpar o planeta pela evolução ou não de uma pessoa, já que depende muito mais dela querer ser evoluída ou não. Não é um planeta que vai tornar alguém evoluído, e nem mesmo pode ser considerado um mensageiro. Uma pessoa espiritualizada pode utilizar qualquer sinal ou experiência para um propósito. Outros podem não ter a mesma visão.

Nessa teoria, segundo uma visão transpessoal, por exemplo, Netuno lhe traria uma transcendência ou uma crise de fé. Isso pode até acontecer, mas não se pode estabelecer que um planeta tenha um propósito místico ou metafisico ou que vai produzir um efeito de elevação. Algumas vezes, em um trânsito um pouco pesado, o astrólogo pode até animar seu cliente com uma alguma filosofia, lhe dizendo sobre uma dimensão maior etc., mas garantir que isso vai acontecer, é outra coisa.

No caso de um transito de Plutão não significa que você vai ficar despojado, pois o ser humano está preso à matéria, mas se ficar melhor. Você pode ficar eticamente mais correto pois há grande chance de você perder coisas e pessoas. Não significa que você fica mais evoluído, o que acontece é que você fica mais relaxado, menos infeliz, porque uma pessoa menos apegada é muito mais tranquila e feliz, pois não tem medo de perder.

As conexões são muito mais profundas e existe uma teoria de Danna Kuningham que ela chama de simpatia. Assim quando você está passando por um trânsito você seleciona, você está mais empático com uns do que com outros. Sua percepção está alterada, seu magnetismo se torna alterado, seu nível energético se altera, e você atua magnetizando uns e afastando outros. Além de você selecionar, o seu campo vibratório tem maior ressonância para algumas coisas e pessoas e menor ressonância para outros.



setembro 24, 2010

Era de Aquário



A Era de Aquário constitui um novo plano de desenvolvimento na história do homem. Uma total mudança de nível - o homem agindo em outro nível psíquico. A criatividade em toda a sua potencialidade, força e vigor, transcendendo completamente a realidade atual.

Júpiter - o planeta da expansão da consciência, da religiosidade e da fé, da filosofia; Marte - planeta da energia e do impulso vital, que nos enche de vontade e de coragem se alinham com o objetivo mais elevado. A presença de Quíron, o curador ferido, nos oferece a oportunidade de curar os fatos que nos separaram durante tanto tempo de nós mesmos e do todo, para podermos olhar o futuro com esperança e fé.

Netuno enfatiza os movimentos humanitários coletivos e a co-criação da justiça social. A presença do Sol ilumina todo este alinhamento especial em conjunção com Netuno, regente de Peixes onde, por sincronicidade cósmica, se encontra Urano, regente de Aquário. Netuno enfatiza e estimula a fé e o sentimento humanitário de compaixão em prol dos menos favorecidos e excluídos da sociedade. O Sol ilumina e distribui sua generosidade única. Mercúrio no final de capricórnio, se alinha com Plutão que significa transformação para nos comunicarmos e ancorar a mudança através de nossas estruturas e instituições globais.

A Lua em Libra na sétima casa enfatiza o início de relacionamentos harmoniosos. Libra é o signo regido por Vênus, o planeta do amor e da beleza, o planeta dos relacionamentos sociais, do equilíbrio e da paz. Vênus, no signo de Áries, com Marte e Júpiter, ajudando a canalizar a energia dos dois planetas e nos impulsionando a agir; energizando e dando poder à co-criatividade e ao dinamismo.

Saturno, o grande mestre do trabalho em oposição à Urano, o desperto inesperado, sugere uma série de confrontações dos velhos paradigmas que não são mais sustentados, entregando-se ao novo paradigma com novas esperanças. Sua colocação entre Virgem e Peixes traz altruísmo prático e inspiração visionária nesta transição, para conseguirmos algo novo em nossas vidas: opõe o sonho à realidade. Saturno, única nota dissonante, nos traz como mensagem a realidade do dia a dia, as tarefas e o labor diário, e enfrenta Urano que nos indica a necessidade de modificarmos os velhos paradigmas.

O ser humano, apesar das contradições, terá sabedoria para lidar com todos os aspectos obscuros que existe em cada um. No entanto, as máscaras perdem seu sentido, pois não precisará mais temer a autenticidade e espontaneidade; não terá mais o que esconder. O ser humano deve aceitar-se assim como aceitar o mundo e os outros, integrando-se num mesmo universo de compreensão.

O ser da Era de Aquário é o homem e a mulher independente, que não precisa mais lutar, pois é tempo de liberdade; o ser humano está livre, para apenas viver.




Mapa da Era de Aquário

setembro 23, 2010

Equinócios e Solstícios




Equinócio é uma palavra que deriva do latim "aequinoctium", e significa noite igual, e refere-se ao momento do ano em que a duração do dia é igual à da noite sobre toda a Terra. Astronomicamente isto se dá quando a Terra atinge uma posição em sua órbita onde o Sol parece estar situado exatamente na intersecção do círculo do Equador Celeste com o círculo da Eclíptica; ou seja, instante em que o Sol no seu movimento anual aparente pela Eclíptica, corta o Equador Celeste, apresentando declinação de 0º. As estações do ano são opostas nos dois hemisférios e as denominações se invertem e pode haver variação de um ou dois dias nas datas descritas.



Início do Outono no Brasil: 20 de março 2011

Nos Equinócios a Terra recebe em ambos hemisférios a mesma intensidade de luz solar. O Equinócio Vernal, em 21 de março, assinala a entrada do outono no hemisfério sul e da primavera no hemisfério norte. É especialmente considerado pelos Astrólogos, pois este “Ponto Vernal”, marca o início do Signo de Áries, a entrada do Sol no Signo de Áries, que marca o início do Zodíaco. É quando o Sol, no seu movimento aparente, passa do hemisfério sul para o hemisfério norte.



Início do Inverno no Brasil: 21 junho 2011

A palavra Solstício, deriva do latim, sol + sistere - solstitium -, que significa parado, imobilizado e está associada à idéia de que o Sol estaria estacionário. Marca a época do ano em o Sol, no seu movimento aparente na esfera celeste, atinge o máximo afastamento angular do Equador, em 22 de junho. É considerado Solstício de Inverno no hemisfério sul e do Verão no hemisfério norte, quando o Sol ingressa a 0º do Signo de Câncer, e alcança sua máxima declinação norte, 23º27'. Neste momento, o Sol imobiliza seu movimento gradual para o sentido sul e passa a dirigir-se na direção do pólo norte, e a Terra recebe maior intensidade de luz solar no hemisfério norte.


Início da Primavera no Brasil: 23 setembro 2011

O Equinócio Outonal, 23 de setembro, marca a entrada da primavera no hemisfério Sul e do outono no hemisfério norte. Chamado também de Ponto de Libra, é o instante em que o Sol passa do hemisfério norte para o hemisfério sul.



Início do Verão no Brasil: 21 de dezembro 2011

No dia do Solstício de Verão, 21 de dezembro, no hemisfério sul e do inverno no hemisfério norte, quando marca a entrada do Sol no Signo de Capricórnio, e o Sol alcança sua máxima declinação sul, 23º27'. O Sol imobiliza seu movimento para o sentido norte e começa a dirigir-se na direção do hemisfério sul. Neste período a Terra recebe maior intensidade de luz solar no hemisfério sul.


setembro 19, 2010

Lunação e ciclo da Lua de 2010 a 2012





A Lunação é o movimento que ocorre entre o Sol e a Lua que representam os princípios masculino e feminino. O início do ciclo ocorre na Lua Nova, cresce na Lua crescente, culmina na Lua Cheia e finaliza na Lua Minguante. É por isso que:
  • a Lua Nova protege o início das coisas;
  • a Lua crescente protege a expansão;
  • a Lua Cheia quando se quer repercussão e
  • a Lua Minguante quando se quer finalizar um problema.
Os 3 dias anteriores à lunação indicam o começo da influência da energia que vai crescendo até atingir sua força máxima no dia exato e nos 3 dias posteriores vai decrescendo em força. Durante a Lua Nova você pode planejar ou algo pode surgir e haverá culminação na Lua Cheia. A Lua cheia representa uma dissociação, um momento de conflito entre a natureza masculina e feminina, e aquelas pessoas que estão desarmonizadas ou não sabem lidar muito bem com essas energias, acabam sofrendo revezes.

As lunações no mapa natal potencializam os assuntos da casa onde ocorrem, indicando possibilidades de acontecimentos que podem se concretizar até a chegada da Lua Cheia. Também pode ativar as promessas do mapa natal, especialmente se faz aspecto com algum planeta ou ponto significativo do mapa natal, em especial nos ângulos de conjunção, trígono, quadratura ou oposição com órbita de 5 graus.

O ciclo da Lua tem duração de 29 dias, 14 horas e 44 minutos, que é denominado mês sinódico. A partir da conjunção ao Sol, a Lua entra no aspecto separativo, ou seja, se afasta do Sol, numa média de 13 a 15 graus por dia, percorrendo cada signo do zodíaco - 30 graus - numa média de 2 dias aproximadamente. Quando acontecem duas lunações na mesma casa, os seus assuntos estarão potencializados enquanto durar a lunação - 29 dias. A duração dos efeitos da lunação dura até a próxima lunação, e os efeitos de um eclipse perduram até a ocorrência de um novo eclipse, durante aproximadamente 6 meses.

Quando atinge exatamente um planeta natal, mostra-se com mais força, ativando tudo referente a este astro: a casa onde se encontra, as casas que rege e os aspectos que faz com outros astros ou pontos significativos do mapa. Este impacto pode ser reforçado por trânsitos e progressões que estejam acontecendo paralelamente a lunação ou quando acontece na lunação um eclipse solar.

EIXO 1 e 7: O EU – O OUTRO
Casa 1: O que passamos para os outros; a maneira como nos relacionamos com o público, outras pessoas e parceiros; as condições no verdadeiro nascimento; os cuidados com aparência física e o corpo, e as nossas atitudes perante o mundo.
Casa 7: As qualidades que suscitamos nos outros; vida social, relações públicas, relacionamentos pessoais, cônjuge, sócios.

EIXO 2 e 8 : O QUE TENHO (GANHOS)– O QUE VALORIZO (PERDAS)
Casa 2: O que pensamos que nos pertence, qualidades possessivas; dinheiro, posses, objetos supérfluos; segurança material, valorização das posses, apreço pelo valor pessoal e pelos atributos físicos,negócios próprios.
Casa 8: Mudança irrevogável acarretada por uma crise; sexo, ligação emocional, incorporações, aplicações conjuntas; resultados externos da morte real ou simbólica de uma outra pessoa ou situação, taxas, seguros, mergulhos, capital social, fazer o que é preciso.

EIXO 3 e 9: O QUE FALO – O QUE PENSO
Casa 3: Escola, livros, bibliotecas; como aprendemos, nossa capacidade de diálogo; transporte público, pequenas viagens, a vizinhança, parentes próximos, primos, irmãos, os jornais, a televisão e o rádio,comunidades locais,compreensão do funcionamento das coisas.
Casa 9: Educação superior, educação á distância, universidades, filosofia, religião, assuntos espirituais, misticismo; imagens e compreensão de Deus, locais de culto; viagens ao estrangeiro, cultura, política, justiça, povos estrangeiros, assuntos com estrangeiro, viagens ao exterior, mestre espiritual, experiência acumulada, ideologia.

EIXO 4 e 10: DE ONDE VIM – PARA ONDE VOU
Casa 4: Assuntos domésticos, a família, local da residência, um dos pais (geralmente a mãe), fontes de segurança, hábitos, casas, edifícios residenciais; a vida particular, de onde viemos.
Casa 10: Patrões, administração, poder executivo, poder judiciário, um dos pais (geralmente o pai), empregadores; interpretação artística, metas, ambições, a imagem pública, a carreira, símbolos de status, reputação, para onde vamos?

EIXO 5 e 11: O MEU – O NOSSO
Casa 5: Poder criativo, auto-regulação, arte, música, diversão, teatro, circo; filhos, namoros; passatempos, jogos, especulações, prazer; auto-admiração, desejo de ser amado, prazer de viver.
Casa 11: criatividade, grupos sociais, poder legislativo, política partidária, questões humanitárias, causas; clubes, sociedades, a comunidade, preocupações com o futuro da humanidade; grupos amigos, relações sociais, reuniões sociais.

EIXO 6 e 12: CONEXÕES VÍSIVEIS – CONEXÕES INVISÍVEIS
Casa 6: Trabalho, dever, necessidade, saúde, alimentos, subordinados, empregados, técnica, ajuda, ouvir os outros, contribuições, servir, estágios.
Casa 12: Escapismo, drogas, álcool, meditação, espiritualismo, ioga, prisões, hospitais, locais de reclusão, vítimas, inimigos ocultos, compaixão, serviços aos doentes e necessitados.


Normalmente se acompanha as fases nova, crescente, cheia e minguante. No entanto esse ciclo pode ser acompanhado em 8 fases e, se necessário, até mesmo em 16 fases. Cada fase da Lua tem um significado, atributos e características diferenciadas. Em cada dia a Lua muda a quantidade de luz que reflete do Sol, para um observador na terra, devido ao seu movimento de translação em torno da Terra. O ciclo é periódico e regular, dando origem aos processos cíclicos devido a essa evolução da luz que reflete do sol à terra.

Outro efeito do ciclo das fases da Lua é provocado pela evolução da gravitação conjunta da Lua e do Sol que se manifesta na Terra através dos fenômenos das marés marítimas e influencia nas emoções dos seres humanos. Cada fase é definida pelo ângulo formado entre o Sol, a Lua e a Terra, e em termos astrológicos, tem um significado distinto.

Astrologicamente, o tipo de energia que exerce influência durante as fases alterna-se entre Ativa e Receptiva. As fases ativas são diretas, centrífugas, de força yang, em que tomamos decisões ou optamos por algo dirigindo-nos ao mundo externo. São forças de formação, que definem nossos impulsos diferenciados durante o ciclo. As fases passivas ou receptivas são de processamento, de transição, quando buscamos todas as idéias e expectativas do que estamos gerando, e passamos para a fase seguinte.

  • Lua Nova - de 0° a 45° - fase ativa
  • Lua Côncava Crescente ou Semi crescente - de 45° a 90° - fase passiva
  • Lua Quarto crescente - de 90° a 135° - fase ativa
  • Lua Convexa Crescente ou Corcunda - de 135° a 180° - fase passiva
  • Lua Cheia - de 180° a 225° - fase ativa
  • Lua Convexa minguante ou disseminadora ou divulgadora - de 225° a 270° - fase passiva
  • Lua Quarto minguante - de 270° a 315° - fase ativa
  • Lua côncava minguante ou Balsâmica - de 315° a 360° - fase passiva

A fase da Lua no momento do nascimento também influencia a personalidade.
Pessoas nascidas: - da Lua Nova até a Lua Cheia, tem a necessidade de construir suas estruturas internas. - da Lua Cheia até a Lua Nova tem a necessidade de se libertar de estruturas estabelecidas.

  • LUA NOVA - Conjunção Lua/Sol (0° a 45°)
Inaugura um novo ciclo, é a semente do ciclo lunar que começa e demarca o final do ciclo anterior. Nesta fase a Lua nasce e se põe junto com o Sol e, se estiverem na mesma declinação e longitude, acontece o alinhamento perfeito que dá origem ao Eclipse Solar. A face visível está totalmente às escuras e a face oculta está iluminada. A configuração planetária do momento dessa lunação dará informações sobre o ciclo lunar, e é a chave das influências de todo mês lunar que se aproxima.

Simboliza um novo impulso ou oportunidade de crescimento. Sente-se alivio ou se liberta das pressões do mês lunar anterior e o que vai ser gerado nesse mês começa a emergir gradualmente. Nessa fase, o que se tenta desenvolver pode ser apenas uma possibilidade que precisa ser definida e alimentada nas semanas que virão. Além disso, o início do ciclo é sempre cercado de fantasmas e de assuntos inacabados dos ciclos anteriores.

A Lua Nova é ativa, incita uma nova atitude emocional, finaliza para iniciar algo novo. Sempre na Lua Nova algo termina para que haja espaço para algo novo que se inicia. A energia desta fase relaciona-se com a visão, interior e exterior, de algo novo a ser gerado. Embora haja dúvida, é necessário ter a visão, distinguir a intenção, ter novas propostas para realizar dentro dos próximos 29 dias. O signo onde ocorre a Lua Nova representa qualidades deste novo impulso e, ao mesmo tempo, o antídoto e as soluções para se eliminar os restos deixados pelo ciclo anterior.

A lua nova é conhecida como a Lua dos mistérios, do que não se revela claramente, do oculto, das finalizações, da morte mas também do renascimento e inícios. Os dias de Lua Nova são mais intensos emocionalmente, há um clima de introspecção, e por isso é uma oportunidade de revisão. O Sol e a Lua em conjunção acentuam a atração gravitacional da Terra formando as marés altas, que também são conhecidas por marés da água viva.

Os 3 dias antes da Lua Nova são favoráveis para:
  • Revisar projetos e situações de vida
  • Formular novos propósitos para o novo ciclo
  • Cortar cabelo caso queira que cresça mais rápido
  • Realizar retiros e recolhimentos
  • Realizar um balanço da lunação anterior para finalizar ou transmutar
  • Iniciar qualquer ação que se queira manter em segredo
  • Tudo iniciado 8 hs antes da Lua Nova, garante o sigilo
  • Finalizar processos demorados.
Os 5 dias posteriores da Lua Nova são favoráveis para:
  • Iniciar cursos, pesquisas, investigação e tudo que exija concentração
  • Realizar atividades mental e de organização
  • Iniciar construções e empreendimentos
  • Abrir poupança ou iniciar economia ou investimentos
  • Iniciar romances, namoros, parcerias que se mantenham vitalizados
  • Mudar a rotina, mudar o visual, fazer rituais de rejuvenescimento
  • Momento de fecundação de idéias, podendo também engravidar
  • Realizar ou iniciar uma criação ou produção artística
  • Iniciar algo novo que se queira continuidade e e longa duração
  • Inaugurar instituições que trabalhe com inícios, ou buscar novos caminhos
  • Iniciar dieta de líquidos para emagrecimento
Lua nova no mapa natal
A pessoa nascida durante a fase da Lua Nova e até 3 dias e meio depois, é intuitiva e reativa. Projeta seus sentimentos para o externo, às vezes, sem ter muita consciência do que motivou esses sentimentos. A relação com a família pode ser intensa, sendo difícil se libertar de sua influência. Mergulha sempre em novas experiências quando sente necessidade de se desapegar do passado. É idealista e subjetiva, desejando deixar sua marca no mundo.

  • FASE SEMI CRESCENTE (de 45º a 90º)
É uma fase passiva, receptiva e deliberativa, que se relaciona com o desenvolvimento de recursos para sustentar as metas, objetivos, propósitos ou projetos gerados na Lua nova. Essa etapa favorece focar o objetivo e enfrentar os desafios e obstáculos. É necessário perseverança, agregando mais definição ao que se pretende, o que exije uma deliberação firme em dar continuidade. Nessa fase é aconselhável buscar mais informações que possam enriquecer o projeto que se pretende concretizar. É necessário adequar o projeto à realidade e aos recursos que se tem disponível.

Lua semi-crescente no mapa natal
A pessoa nascida durante a fase da Lua semi-crescente e nos 3 dias e meio antes da Lua Quarto-Crescente, luta para desapegar do passado ou das situações de dependência. É auto-confiante e tem uma grande capacidade de superar obstáculos, quando está determinada a atingir um objetivo. Consegue mudar algo tradicional ou antigo em sua vida ou no mundo.

  • LUA QUARTO CRESCENTE - aspecto separativo Lua/Sol (90° a 135°)
Indica o crescimento do ciclo iniciado na Lua Nova, que pode ser impedido ou bloqueado por obstáculos ou assuntos não resolvidos no passado. O ideal nesse período é vencer esses desafios do passado, se quisermos que toda a energia a ser liberada durante a Lua Cheia seja aproveitada. Nesta fase a Lua nasce no Leste ao meio-dia e se põe no Oeste á meia noite. Só é possível ver a metade da porção iluminada pelo Sol.

O Sol e a Lua por estarem em quadratura, diminuem os efeitos da atração gravitacional e provocam as marés baixas ou as chamadas marés de água morta. O auge crescente é ativo e impetuoso e se relaciona com a definição do que está sendo gerado. Há maior força de crescimento, embora haja também maior força para oposições e impedimentos. É importante ultrapassar os obstáculos dessa fase e criar uma base segura, uma estruturação para o seu projeto.

A Lua crescente ou quarto crescente aponta para a necessidade de mudança e remanejamento. Se as dificuldades do passado não ficarem esclarecidas e resolvidas ou se o crescimento for letárgico, então a iluminação oferecida durante este ciclo não será completada. Qualquer padrão que foi estabelecido neste primeiro ciclo, de crescimento ou de dificuldade, continuará a ser desenvolvido durante o resto do ciclo lunar.

O que estiver sendo desenvolvido em nós ou em nossas vidas sofrerá um teste e precisará ser definido claramente e delineado em uma direção. Isto significa fazer opções entre várias possibilidades e alguns padrões habituais antigos. Sugere emergência, independência, atividade e comprometimento. Os 7 dias da Lua Crescente são favoráveis para compreender e amadurecer, ter prosperidade e alegria e também para:
  • Assinatura de contratos e parcerias, viagens e contatos em geral
  • Lançamento de produtos e apresentação em público
  • inauguração do que se queira que aumente, se desenvolva, se expanda, com rapidez e consistência
  • iniciar empresas e negócios
  • Atividades físicas intensas, largar vícios, engordar
  • Encerrar relações de qualquer natureza, pois favorece a transparência
  • Cortar cabelo, se quiser que cresça rapidamente
  • Esclarecer situações, pois nada fica escondido na Lua crescente
  • Não favorece iniciar dietas cirurgias
Lua Quarto Crescente no mapa natal
A pessoa nascida durante a fase da Lua Quarto-Crescente e nos 3 dias e meio seguintes, está consciente da necessidade de elaborar sua estrutura íntima para alcançar seus objetivos. Geralmente cresce nas situações de crise pois tem uma enorme capacidade de enfrentar obstáculos e superar desafios.
  • FASE CORCUNDA OU CONVEXA (de 135º a 180º)
É uma fase passiva e receptiva; e seus projetos podem conquistar a plenitude. No entanto é necessário analisar todos os resultados obtidos até o momento; reajustar os objetivos, refletir sobre novas ações, corrigir erros, antes que se chegue ao final.

Lua corcunda no mapa natal
A pessoa nascida nos 3 dias e meio que antecedem a Lua Cheia, tem a mente aguçada e uma enorme capacidade de associar idéias. Quer esclarecer questões tanto pessoais como coletivas. Dedica-se e envolve outros em grandes causas.
  • LUA CHEIA - oposição Lua/Sol (180° a 225°)
A face da Lua é iluminada pelo Sol e reflete essa luz para a Terra. É na fase da Lua Cheia que acontecem os eclipses lunares. Nessa fase a Lua nasce no oriente às 18 horas e se põe às 6 horas da manhã. Nas 48 horas antes da Lua cheia, é possível ver a Lua nascendo a Leste e o Sol se pondo à oeste, e sua face visível fica totalmente iluminada.

O sol e a Lua estão alinhados em oposição e acentuam as forças gravitacionais provocando as marés cheias, marés de água viva. Na Lua Cheia culmina a semente e o potencial inaugurado na Lua Nova. Se tiver sido desenvolvida uma atitude positiva de crescimento e as etapas tiverem sido superadas durante o quatro crescente, então a Lua Cheia trará a realização e a satisfação. Caso contrário, pode trazer conflitos, problemas, aparecimento de uma situação de ansiedade e até afetar a saúde física.

A Lua Cheia é um transbordamento. Neste período, deve se atingir o ápice daquilo que vinha sendo desenvolvendo nas fases iniciais para melhor ou para pior, para o sucesso ou o fracasso. Se o nosso trabalho anterior tiver sido bem sucedido, então a Lua Cheia iniciará um processo de usar, ampliar, partilhar e assimilar essas experiências. Se, por outro lado, nossos esforços não tenham sido proveitosos - durante a fase crescente - as coisas não irão acontecer do jeito que esperávamos, porque tinham apenas valor temporário.

A Lua Cheia pode nos estimular a abandonar essas situações, relacionamento ou coisa que eram incapazes de preencher uma função positiva em nossas vidas e se soubermos deixá-las, estaremos abrindo espaço para um crescimento futuro no próximo ciclo que se aproxima. A fase Cheia é ativa e integradora; e se relaciona à consciência, à cooperação e o compartilhar. O ciclo chegou ao seu ápice e o que estava sendo gerado chega à sua maturidade, é o tempo em que se anuncia a finalização do ciclo.

Esta é a fase da Lua mais celebrada e ritualizada em todas as culturas desde a Antiguidade até os nossos dias. A maioria das tribos americanas pratica seu xamanismo feminino mais secreto durante a Lua Cheia. As mulheres saem em grupos, caminhando por lugares sagrados da natureza, cantando e realizando rituais.

No psiquismo humano, a influência da Lua Cheia é tão conhecida que em muitos países tem-se em consideração como atenuante nos julgamentos, se as infrações foram cometidas na Lua Cheia. São conhecidos os resultados de pesquisas de delitos, especialmente nos Estados Unidos, que o número de acidentes, atos de violência, delitos sexuais, e crimes aumentam nos períodos de Lua Cheia.

Os sensitivos, e as pessoas com distúrbios psíquicos ficam mobilizados fortemente pela Lua Cheia. A excitação que provoca a Lua Cheia é saudada e celebrada pelos boêmios, adoradores do prazer e das celebrações telúricas ou dionisíacas. Muitos a consideram romântica, afrodisíaca, inspiradora. Muitos criadores a consideram a melhor lua para praticarem as suas artes.

Os 3 dias antes e depois da Lua cheia, favorece:
  • Ações rápidas e grandiosas, principalmente se deseja popularidade e divulgação
  • Os ânimos estão mais exaltados, por isso é mais fácil identificar problemas e obstáculos, as coisas ficam às claras
  • Mudar de residência ou escritório
  • Iniciar viagem nesta Lua promete sucesso
  • Negócios imobiliários também devem ser realizados nesta fase
  • Quando se quer que algo seja rapidamente conhecido ou divulgado, comentado e muito falado, deve-se empreendê-lo 8 horas antes da entrada da Cheia, preferivelmente quando a lua estiver no Meio do Céu
  • Inauguração de teatros, casas de festas, restaurantes, envolvendo o público
  • Ideal para festas e celebrações. Nunca passe uma Lua Cheia entre pessoas com as quais não se dê bem
  • Rituais de magia e ocultismo de consagração e agradecimento
  • Não é conveniente realizar operações cirúrgicas.
Lua cheia no mapa natal
A pessoa nascida no dia da Lua Cheia e nos 3 dias e meio seguintes, é objetiva e pensa antes de agir. Consegue aprender com as experiências e percebe como o seus relacionamentos são afetados por suas ações. Para ela, o relacionamento tem grande importância. Ela tem necessidade de estar em contato ou junto com outras pessoas.
  • FASE DISSEMINADORA OU DIVULGADORA (225º a 270º)
Após a Lua Cheia, a Lua parte para novamente reencontrar o Sol, formando os aspectos aplicativos. É uma fase passiva, receptiva e também demonstrativa. Está relacionada à comunicação, ao partilhamento e à transformação. Os sentimentos devem ser partilhados, pois inicia-se a maturação que levará à finalização. O que foi gerado na Lua Nova tem a força de finalizar por si mesmo, ganha-se perspectiva, partilha-se com um maior número de pessoas. É a fase em que as metas devem estar alinhadas ao bem estar e serem fortes suficientes para continuar por si mesmas.

Lua disseminadora no mapa natal
A pessoa nascida nos 3 dias e meio que antecedem a Lua Quarto-Minguante, quer compartilhar com os outros aquilo que ela considera ser significativo em sua vida. Divulga suas idéias e partilha suas experiências, para que os outros possam aprender com elas. Visionário, é extremamente entusiasmado por novas descobertas e pode tornar-se ferrenho defensor de seus pontos de vista.
  • LUA QUARTO MINGUANTE-Aspecto aplicativo Lua/Sol (270° a 315°)
Se a Lua Crescente nos desafia a crescer para fora e agir de modo a realizar nossas possibilidades, a Lua quarto minguante nos desafia a crescer para dentro e a mudar. Qualquer coisa que não se harmoniza com este crescimento interno e essa maior compreensão de nossas experiências deve ser deixado de lado.

O momento é favorável a insights. Questionando posicionamentos antigos, podemos nos abrir para novas idéias e ideais. A última fase deste ciclo, que antecede imediatamente à Lua Nova, marca um período de transição, o período entre o ciclo que se encerra e o próximo que se anuncia. Durante este tempo, os resultados do ciclo inteiro podem ser revistos, concentrados e resumidos em sua essência para formarem um fundamento de um ciclo futuro.

Nessa fase a Lua nasce à meia noite e se põe ao meio dia. Este é o penúltimo estágio do ciclo, ativo e responsável; que se relaciona com a reorientação, transição e finalização. Nesta fase tanto pode-se corrigir, ajustar e adaptar, como também iniciar a conclusão com êxito.

A função deve ser de definir o destino do que foi gerado e pode requerer mudanças, criativas ou tradicionais, porém sempre existe algum risco quando se muda a estrutura do que foi construído. Chega-se à fase da colheita e se deve aceitar as responsabilidades por todas ações empreendidas anteriormente, desde o início do ciclo, e se preparar para um novo ciclo construindo o futuro.

Os 3 dias antes e depois da Lua minguante são favoráveis para:
  • Encerrar atividades ou situações e planejar novas ações
  • Sendo um período de introspecção, é adequado para pesquisar, analisar e planejar o próximo ciclo
  • Se deseja manter algo oculto ou em segredo, por isso não favorece inaugurações
  • Limpezas, expurgos, eliminação de ações mal resolvidas
  • Ideal para operações cirúrgicas, exceto com a Lua em Escorpião ou Capricórnio e a lua no signo solar do paciente
Lua quarto minguante no mapa natal
A pessoa nascida na Lua Quarto-Minguante e nos 3 dias e meio seguintes, precisa confirmar suas crenças. Defende seus princípios a qualquer custo mas pode ser inflexível ou ter incapacidade de receber críticas.

  • LUA BALSÂMICA (315º a 360º)
A fase Balsâmica é passiva, receptiva e libertadora, e se relaciona com o abandono do passado, para se direcionar ao futuro. Na Lua cheia há a consciência do que se é; na Lua balsâmica há a consciência do que se foi e do que se será. É uma fase em que não se deve resistir ao que está finalizando, pois pode produzir certa confusão.

Libertar-se do passado para iniciar um novo ciclo, com consciência e clareza, favorece buscar meios para processar o final do ciclo. É a fase de análise, de balanço geral de todo o processo e reconhecer o que precisa ser abandonado para que se possa iniciar um novo ciclo sem pendências ou interferência do passado.

Lua balsâmica no mapa natal
A pessoa nascida nos 3 dias e meio que antecedem a Lua Nova, experimenta alguns conceitos novos dentro de antigas estruturas. Planta as sementes que possibilitam as transformações; é profético e totalmente voltado para o futuro, podendo se sentir guiado por uma ordem superior.

CICLOS NAS PROGRESSÕES DA LUA

Todo planeta em trânsito, quando encontra em conjunção com outro planeta no mapa natal, inaugura um novo ciclo entre eles. Os ciclos da Lua podem ser utilizados para avaliar o seu momento de vida. Verificando a posição atual da Lua, e o número de graus que separam a Lua do seu Sol de nascimento, você pode ter uma análise da fase em que se encontra. A interpretação é a mesma dos ciclos.


  • Lua Nova: 0° a 45° - conjunção à semiquadratura separativa ou crescente:Fase de términos e novos inícios
  • Lua Semi-crescente ou côncava crescente: 45° a 90° - semiquadratura à quadratura separativa crescente: Fase de buscar recursos e informações para as novas metas
  • Lua Quarto crescente: 90° a 135° - quadratura à sesquiquadratura crescente: Fase de superar bloqueios do passado
  • Lua Corcunda ou convexa crescente: 135° a 180° - sesquiquadratura crescente à oposição: Fase de muitas opções e comprometimento
  • Lua Cheia: 180° a 225° - oposição à sesquiquadratura minguante: Fase de plenitude e realização ou abandono de metas ou situações por não terem um sentido.
  • Lua disseminadora/divulgadora ou convexa minguante: 225° a 270° - sesquiquadratura à quadratura minguante: É a fase em que as metas devem estar alinhadas ao bem estar e serem fortes suficientes para continuar por si mesmas.
  • Lua Quarto minguante: 270° a 315° - quadratura à semiquadratura minguante: Questionando posicionamentos antigos, podemos nos abrir para novas idéias e ideais, e também para corrigir, ajustar ou adaptar.
  • Lua Balsâmica ou côncava minguante: 315° a 360°- semiquadratura minguante à conjunção: É a fase do abandono do passado para se direcionar ao futuro. Não se deve resistir ao que está finalizando.

FASES DA LUA DE 2010 A 2012






Related Posts with Thumbnails

Follow by Email

Quero acompanhar este blog

Pesquisar este blog