setembro 29, 2010

O retorno de Júpiter



O retorno de Júpiter ocorre aproximadamente a cada 12 anos, que é o tempo que leva para dar a volta no zodíaco e retornar à sua posição natal. Dessa forma, quando Júpiter faz conjunção à sua posição natal pode indicar uma fase em que nos sentimos com maiores expectativas, tendemos a manter o foco sobre os assuntos representados por Júpiter no mapa natal, por sua regência, posição no signo, na casa e aspectos; iniciando um novo ciclo que terá duração por mais 12 anos.

No primeiro retorno, mais ou menos aos 12 anos, percebemos que estamos deixando para trás a nossa infância e estamos entrando na fase da adolescência. Em geral, experimentamos uma enorme expansão em nossas vidas, percebemos o mundo além de nossa família e escolhemos amigos e colegas do colégio, que também estão nesse processo. Queremos aprender sobre tudo, de forma rápida, expandimos a nossa mentalidade e estamos interessados em estudar e descobrir uma vocação. Mergulhamos em livros, internet e tudo que possa nos trazer mais conhecimento. É uma fase de transformações hormonais, uma maior produção de hormônios, dando-nos as características físicas, masculino ou feminino. Tendemos a desafiar todas as estruturas de autoridade, dos pais, avós, professores e temos a percepção ampliada do quanto podemos interferir nessas estruturas, apenas como experiência. Na primeira oposição de Saturno passamos à confrontação da autoridade.

No segundo ciclo de Júpiter, aos 24 anos, estamos ansiosos para entrar no mercado de trabalho, ganhar o próprio dinheiro, queremos realizar algo para marcar nossa posição no mundo, após termos concluido a faculdade ou estudos profissionalizantes. Nos percebemos mais adultos e nos esforçamos para nossa realização individual. Estamos mais exigentes em relação ao nosso grupo familiar e social e nosso sucesso depende da forma de nos colocarmos perante o mundo; e da nossa experiência e convivência com os outros. Olhamos para o futuro com a expectativa de conquistarmos uma posição privilegiada. Dessa fase irá depender os próximos ciclos.


No terceiro ciclo, nos tornamos adultos, mais amadurecidos pelo ciclo de Saturno, e aos 36 anos já constituimos uma família, e sentimos uma nova onda de expansão em que pretendemos crescer profissionalmente, adquirir nossa casa própria, realizar sonhos acalentados desde nossa adolescência, que estivemos adiando em função da nossa especialização profissional e em favor de nosso cônjuge e filhos. É uma época de consolidação da individualidade e da realização material, e também das experiências e desafios através da oposição de Urano.


Depois de passarmos pelo ciclo da oposição de Urano e pela quadratura de Saturno, aos 48 anos sentimos a necessidade de ampliar nossos horizontes. Muitas pessoas despertam o desejo de estudar, voltar para a faculdade, fazer um novo curso, adquirir uma nova profissão. É uma fase em que pretendemos alcançar uma expansão do círculo de poder, da influência que podemos imprimir no mundo, da satisfação e realização pessoal, em termos pessoais e profissionais, e podemos buscar funções mais elevadas na profissão que nos faça sentir mais poderosos.

Quando chegamos aos 60 anos, acontece um dos ciclos mais importantes de Júpiter, depois de passar pelo retorno de Saturno. Após a avaliação do que fizemos de nossa vida, vemos um novo mundo de possibilidades à nossa frente. Muitos já não têm obrigações com filhos e família, já podem ter alcançado um status financeiro mais estruturado, e assim se tornam mais interessados em se desenvolver através de novos horizontes, porém a um nível de satisfação pessoal. Alguns querem viajar, conhecer o mundo e culturas; outros se interessam em absorver outro nível de conhecimento, espiritual ou social.

Aos 72 anos temos a tendência de nos dedicarmos muito mais às nossas realizações pessoais, pois sentimos que a vida se encaminha para uma finalização. Muitas pessoas podem ter um acentuado interesse em fazer coisas que nunca fizeram, seja por medo ou falta de oportunidade, como saltar de páraquedas, por exemplo. A percepção é de aproveitar ao máximo o tempo de vida que ainda lhe resta. É uma época que não estamos mais presos às opiniões dos outros e podemos até exagerar em nossas manifestações jupiterianas.

2 comentários:

  1. bom dia Lucia
    Cheguei aqui através do blog A cova do Urso. Estou tentando entender um pouquinho sobre tudo isso que vocês escrevem, mas sou bem leiga nesse assunto.
    Achei também seu outro blog que fala sobre a Itália, e como estou pensando em ir pra lá no ano que vem (conhecer a terinha dos meu avós) vou prestar atenção em tudo por lá, ok?
    um beijo

    ResponderExcluir
  2. Obrigado por seus comentários e por sua visita. Minha intenção é transmitir o pouco que aprendi para que outros possam se beneficiar desse conhecimento magnifico que é a astrologia. Abraços. Lucia

    ResponderExcluir

Obrigado por sua visita ao blog; desde já agradeço seus comentários. Ou mande-me um email: lu_ou_lucia@hotmail.com

Related Posts with Thumbnails

Follow by Email

Quero acompanhar este blog

Pesquisar este blog